Com 938 novos casos de Covid-19, total de infectados no Pará sobe para 54.798

Apesar da ligeira queda em números diários neste domingo (7), o estado teve um crescimento vertiginoso durante a semana, despontando como o estado mais castigado pela doença no Norte do país. Seguindo a elevação geral de casos no Pará, as regiões sul e sudeste fecham a semana com 13.696 casos positivos e 441 mortes pelo novo coronavírus
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Depois de três dias seguidos com números elevados, o Pará registrou, neste domingo (7), uma leve queda em casos e óbitos pelo novo coronavírus. Nas últimas 24 horas, o estado confirmou mais 938 casos positivos e 49 mortes pela doença.

De acordo com o seu Boletim Epidemiológico, divulgado às 19h30, o Pará fecha a semana com 54.798 casos diagnosticados, 42.623 pessoas recuperadas e 3.714 fatalidades pela Covid-19. Números que colocam o estado na quarta posição geral de casos no país.

Situação na Região Norte

A disseminação do novo coronavírus nas aldeias das reservas indígenas da Região Norte acendeu o alerta máximo para o risco de dizimação de boa parte da comunidade nativa. No Amazonas, Pará, Rondônia, Acre e Roraima, a doença já fez várias vítimas nas aldeias que estão mais próximas aos centros urbanos.

A grande preocupação das autoridades de saúde e da Fundação Nacional do Índio (Funai) é que o vírus chegue em comunidades mais isoladas – o que seria uma tragédia, com risco de dizimação da população. Esse cenário, no entanto, é cada vez mais real devido aos garimpos clandestinos e à exploração ilegal de madeira nas reservas, como denunciam os órgãos e organizações não governamentais que trabalham na proteção de comunidades de isoladas.

No Amapá, o governo estadual dará início à Operação Tiriyó, que levará atendimento aos indígenas da região do Parque do Tumucumaque, no sul do estado. Trata-se de uma ação conjunta entre o governo do estado, o Distrito Sanitário Especial Indígena do Amapá e do Norte do Pará (Dsei) e a Funai. O estado enviará às aldeias medicamentos, 300 testes rápidos e equipamentos de proteção individual (EPIs); além de uma equipe de profissionais de saúde – médicos, biomédicos e enfermeiros – para atender a comunidade. A iniciativa faz parte das medidas adotadas para a prevenção e combate direto à proliferação da Covid-19 nas aldeias isoladas.

Ainda não há casos oficialmente confirmados na reserva. As áreas indígenas que receberão a ação estão localizadas nas fronteiras dos estados do Amapá e Pará com o Suriname. Nesses limites vivem cerca de 1.800 índios e só é possível o acesso por transporte aéreo, que é de responsabilidade do governo federal. 

Neste domingo, de acordo com os boletins dos estados, fechados no início da noite, o Norte do país totaliza 144.378 infectados, com 6.919 óbitos. O Pará segue na dianteira dos casos positivos, com 54.798 contaminados, seguido pelo Amazonas (49.269), Amapá (13.045), Rondônia (8.110), Acre (7.983), Tocantins (5.644) e Roraima (5.529).

Em mortalidade, o Pará também é o primeiro colocado, com 3.714 falecimentos. Na sequência vem o Amazonas (2.250), Amapá (272), Rondônia (235), Acre (207), Roraima (142) e Tocantins (99).

Região Sul e Sudeste do Pará

As regiões sul e sudeste do Pará fecham a semana com quase o triplo de casos positivos e o dobro de óbitos da semana anterior. Os destaques no salto astronômico de positivados são Parauapebas, Marabá, Canaã dos Carajás, Paragominas, Tucuruí, Tucumã, Ourilândia do Norte, Dom Eliseu e Xinguara. Municípios menores, que vinham com média baixa, também viram o número de de casos elevar após intensificação da testagem rápida, como é o caso de Rio Maria, Cumaru do Norte e Curionópolis. 

De acordo com os boletins dos municípios, atualizados até as 21h49, as duas regiões somam 13.696 casos confirmados de Covid-19, com 441 óbitos. Nas últimas 24 horas, foram registrados 563 novos diagnósticos e quatro falecimentos. 

Com mais de 200 casos confirmados diariamente, Parauapebas finaliza a semana com um total 4.761 casos positivos da doença. Só nas últimas 24 horas, mais 409 novos casos foram diagnosticados. O dado positivo deste domingo é que não foi registrada nenhuma fatalidade pela doença. O município também comemora que, do total de infectados, 1.021 venceram a luta contra o novo coronavírus.

Em uma semana de oscilação de novos casos, Canaã dos Carajás fecha as contas com 1.296 casos confirmados de Covid-19. Nas últimas 24 horas, mais 13 pessoas testaram positivo para a doença –  estando todas em isolamento domiciliar. Do total geral de positivados, 610 estão recuperados, 14 estão internados e 17 vieram a óbito.

Após iniciar testagem mais ampliada da população, Marabá termina a semana com um total de 1.837 casos positivos. Nas últimas 24 horas, mais 96 pessoas foram diagnosticadas com a doença e outras duas vieram a falecer, totalizando 109 fatalidades pela enfermidade. O município segue mantendo a maior taxa de óbitos pela doença, tendo registrado de segunda até este domingo, com base na divulgação dos seus boletins epidemiológicos, 17 falecimentos – uma média de 2,7 óbitos por dia.

Ainda de acordo com o seu boletim, de 24 de maio a 5 de junho Marabá teve 1.519 casos confirmados e 1.518 altas médicas. Atualmente, 236 pacientes estão em tratamento contra a doença, sendo 43 em internação hospitalar, 17 em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e 176 em isolamento familiar. 

Nesta segunda-feira (8), a prefeitura de Marabá irá realizar testagem para Covid-19 na Escola Pedro Peres, no núcleo Morada Nova, das 14 às 18hs. O exame é destinado a pacientes com sintomas leves ou moderados.

No sul e sudeste do Pará, o número de mortes teve elevação, nas últimas 24 horas, com óbitos registrados em Marabá (2), Paragominas (1) e Goianésia (1). Os cinco municípios com maior letalidade são Marabá, com 109 falecimentos, Parauapebas (85), Paragominas (59), Tucuruí (54) e Canaã dos Carajás (17).

Confira abaixo os números divulgados pelos municípios:

Parauapebas

  • 4.761 casos confirmados
  • 1.021 recuperados
  • 85 óbitos

Marabá

  • 1.837 casos confirmados
  • 1.492 recuperados
  • 109 óbitos

Canaã dos Carajás 

  • 1.296 casos confirmados
  • 610 recuperados
  • 17 óbitos

Paragominas 

  • 870 casos confirmados
  • 348 recuperados
  • 58 óbitos

Tucuruí

  • 590 casos confirmados
  • 197 recuperados
  • 54 óbitos

Tucumã

  • 454 casos confirmados
  • 102 recuperados
  • 04 óbitos

Ourilândia do Norte

  • 421 casos confirmados
  • 126 recuperados

Dom Eliseu

  • 378 casos confirmados
  • 264 recuperados
  • 04 óbitos

Curionópolis

  • 359 casos confirmados
  • 119 recuperados
  • 08 óbitos

Xinguara

  • 333 casos confirmados
  • 127 recuperados
  • 09 óbitos

Redenção

  • 300 casos confirmados
  • 73 recuperados
  • 03 óbitos

Ulianópolis

  • 237 casos confirmados
  • 167 recuperados
  • 09 óbitos

São Geraldo do Araguaia

  • 219 casos confirmados
  • 103 recuperados
  • 10 óbitos

Jacundá

  • 171 casos confirmados
  • 69 recuperados
  • 04 óbitos

São Félix do Xingu

  • 149 casos confirmados
  • 76 recuperados
  • 04 óbitos

Rio Maria

  • 124 casos confirmados
  • 05 recuperados

Cumaru do Norte

  • 113 casos confirmados
  • 08 recuperados
  • 03 óbitos

São Domingos do Araguaia

  • 107 casos confirmados
  • 27 recuperados
  • 03 óbitos

Pacajá

  • 95 casos confirmados
  • 07 recuperados
  • 05 óbitos

Breu Branco 

  • 95 casos confirmados
  • 49 recuperados
  • 13 óbitos

Itupiranga

  • 76 casos confirmados
  • 34 recuperados
  • 03 óbitos

Rondon do Pará

  • 75 casos confirmados
  • 40 recuperados
  • 07 óbitos 

Eldorado do Carajás

  • 74 casos confirmados
  • 20 recuperados
  • 02 óbitos

Conceição do Araguaia

  • 72 casos confirmados
  • 37 recuperados
  • 01 óbito

Nova Ipixuna

  • 72 casos confirmados
  • 32 recuperados
  • 03 óbitos

Novo Repartimento

  • 55 casos confirmados
  • 29 recuperados
  • 07 óbitos

Goianésia do Pará

  • 55 casos confirmados
  • 39 recuperados
  • 03 óbitos

Santana do Araguaia

  • 44 casos confirmados
  • 20 recuperados
  • 03 óbitos

Abel Figueiredo

  • 40 casos confirmados
  • 17 recuperados
  • 01 óbito

Bannach

  • 33 casos confirmados
  • 06 recuperados
  • 03 óbitos

Piçarra

  • 30 casos confirmados
  • 14 recuperados

Sapucaia

  • 27 casos confirmados
  • 04 recuperados

Água Azul do Norte

  • 21 casos confirmados
  • 02 recuperados

Bom Jesus do Tocantins

  • 17 casos confirmados

Santa Maria das Barreiras

  • 12 casos confirmados

Brejo Grande do Araguaia

  • 09 casos confirmados

Palestina do Pará

  • 09 casos confirmados
  • 01 óbito

São João do Araguaia

  • 09 casos confirmados
  • 02 óbitos

Pau D’Arco

  • 06 casos confirmados
  • 02 recuperados
  • 01 óbito

Floresta do Araguaia

  • 04 casos confirmados
  • 03 recuperados

Por Tina Santos

Publicidade