ALEPA aprova projeto de autoria do deputado Gesmar Costa (PSD) que dispõe sobre a utilização de “Asfalto Ecológico”

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on print

Continua depois da publicidade

A Assembleia Legislativa do Pará aprovou, em sessão ordinária, o Projeto de Indicação 29/2017, de autoria do deputado Gesmar Costa (PSD), que dispõe sobre a utilização de “Asfalto Ecológico” na conservação das vias públicas municipais. Trata-se de um asfalto enriquecido com borracha da reciclagem de pneus.

Justificativa

“Foi em 1960, que os norte-americanos começaram os primeiros testes com asfalto ecológico. Hoje, a tecnologia, que cobre aproximadamente 70% das rodovias do Arizona e está presente na Califórnia, Flórida e Texas, ultrapassou as fronteiras e já pode ser encontrada na África do Sul, em Portugal e, claro, no Brasil”, explica o parlamentar

Gesmar esclarece, ainda, que a produção do asfalto ecológico começa a partir da captação de pneus que seriam descartados no meio ambiente. “Esta ação, por si só, já representa um considerável avanço ecológico, pois garante a reciclagem dos pneus e evita que grandes quantidades de lixo se acumulem na natureza. Além disso, o asfalto ecológico tem maior aderência, o que ajuda a evitar acidentes.

Cenário no Brasil

No Brasil, já é possível encontrar asfalto ecológico em algumas rodovias. Em São Paulo, por exemplo, a tecnologia já foi implantada nas rodovias que ligam a baixada santista à capital de São Paulo. A implementação aconteceu durante o recapeamento das Rodovias Imigrantes e Anchieta, envolvendo também a Rodovia Cônego Domênico Rangoni.

asfalto

Publicidade