Agricultura familiar comercializará produtos para a merenda escolar em Cumaru do Norte

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

downloadO escritório local da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) em Cumaru do Norte, sul do estado, está articulando junto à prefeitura municipal a comercialização de produtos da agricultura familiar para a merenda escolar. A expectativa é que no primeiro semestre deste ano, 100 famílias de agricultores familiares passem a fornecer itens hortifrutigranjeiros para compor a alimentação dos alunos das escolas públicas do município.

Durante reunião com a prefeita Cleusa Temponi e representantes das secretarias municipais de Educação e de Administração, o técnico da Emater em Cumaru do Norte, Leandro Santos, mostrou o quadro de produtos da agricultura familiar que podem ser comercializados para a merenda escolar, como polpas de frutas, verduras, ovos, entre outros. “Estamos capacitando os produtores, organizando e estimulando a produção de forma a atender a demanda e orientando a criação de cooperativas e organizações”, explica Santos.

A gestão municipal irá inserir produtos na merenda escolar, por meio de Chamada Pública direcionada à agricultura familiar, e a Emater irá elaborar uma proposta de venda dos produtos. Cada produtor poderá comercializar até R$ 20 mil por ano para merenda escolar, o que acarretará em um impacto de pelo menos 40% de incremento no orçamento familiar.