NOVA VARA JUDICIAL EM PARAUAPEBAS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Os desembargadores integrantes do Pleno do Tribunal de Justiça do Estado, em sessão ordinária, aprovaram, à unanimidade de votos, dois anteprojetos de lei, que serão encaminhados à Assembléia Legislativa. O primeiro dispõe sobre a elevação das Comarcas de Marituba e de Benevides à segunda Entrância, e, o segundo sobre a criação de cargos de juiz e de mais Varas em Comarcas do interior e da capital, considerando-se a necessidade para a melhor prestação jurisdicional. Os dois anteprojetos foram apresentados pela relatora, desembargadora Célia Regina Pinheiro.
O segundo anteprojeto de lei objetiva a criação de 50 cargos de juiz de direito, bem como a criação de 33 Varas, sendo 10 em Belém, quatro delas para atender o distrito de Icoaraci; três Varas de Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher nas Comarcas de Marabá, Santarém e Altamira; duas Varas de Juizados Especiais na Comarca de Belém; cinco Varas na Comarca de Ananindeua; duas Varas na Comarca de Marituba; duas Varas na Comarca de Benevides; uma Vara na Comarca de Santarém; uma Vara na Comarca de Parauapebas; uma Vara na Comarca de Oriximiná; quatro Varas de Juizados Especiais, sendo duas na Comarca de Marabá e duas na Comarca de Santarém; uma Vara na Comarca de Tailândia; e uma Vara na Comarca de Juruti.