GREVE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Cerca de 300 funcionários da empresa Transbrasiliana fizeram uma paralização essa manhã (17) em todo o município de Parauapebas. Eles protestam contra o não pagamento de horas extras pela empresa que é a principal responsável pelo transporte dos funcionários da Vale até as minas de Carajás.

A Vale teve que contratar vans para fazer o transporte de seus funcionários e não prejudicar as suas atividades, pois mais de duas mil pessoas que trabalham nas minas de Carajás ficaram impedidos de chegar no local de trabalho com a paralização.

O sindicato dos rodoviários aguarda a chegada dos representantes da empresa, com sede em Goiânia, para dar início as negociações. A reunião deve acontecer ainda hoje na sede do sindicato, em Parauapebas. A greve continua amanhã caso não haja uma proposta por parte da Transbrasiliana.