Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Redenção

Florada dos Ipês muda cenário da Avenida Brasil, em Redenção

Flores de todos os matizes encantam moradores e visitantes e gera sentimento de amor pela cidade

Roxo, rosa, amarelo ou branco? Chegou aquela época do ano em que as flores dos Ipês encantam os olhos de quem passa pela Avenida Brasil, em Redenção. A beleza está desde a árvore localizada em terreno baldio quanto as plantadas no canteiro central. Os ipês passam a ser a atração principal neste meado de agosto, com o tempo seco e quente.

A aposenta Guilhermina Vaz é de Goiânia-GO, e veio visitar a filha que mora em Redenção. Ao chegar à residência da filha ficou encantada pelos ipês. “É um paraíso. Quem teve a ideia de plantar os ipês está de parabéns. Nesta época, a Avenida Brasil nem parece ser em Redenção, fico tudo muito bonito. Parabéns”, disse ela, emocionada.

Nesta época do ano, os ipês cor de rosa costumam florir e aos poucos o florido vai surgindo nas ruas de Redenção, além do rosa outros já começaram a florescer na cidade. E não faltam câmeras fotográficas de celulares e postagens em redes sociais, criando um sentimento de pertencimento e ainda para registrar um momento que só acontece uma vez por ano.

Robert Leal é professor de português e todo final de tarde faz caminhada pelo calçadão da Avenida Brasil. “Todos os dias passo por aqui e não dá de passar e não tirar uma foto desse paraíso” diz.

As árvores, nativas da Mata Atlântica têm surgido com uma coloração que se divide entre o roxo e o rosa, confundindo quem passa por uma delas. Os ipês foram distribuídos para toda a América do Sul, principalmente nas áreas urbanas. O motivo é a ornamentação das cidades. As raízes não causam danos às calçadas, muito menos para a encanação da cidade.

Além disso, o ipê sobrevive aos longos períodos de seca. A floração costuma acontecer entre maio e setembro, época de seca na Amazônia.

Deixe uma resposta