Encontro em Marabá pede navegação já

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

Acontecerá em Marabá, na Câmara Municipal, dia 13 de junho, o XXIV Encontro Sobre o Corredor Centro Norte, numa promoção conjunta do Movimento Pró-Logística, Sindicato de Armadores do Pará – SINDARPA e a Agência de Desenvolvimento Sustentável do Corredor Centro Norte.

As instituições promotoras ao realizar novamente em Marabá o encontro – o último aconteceu em 2011, também na Câmara Municipal -, pretendem colocar em discussão a navegação do trecho que vai do lago de Tucuruí até Marabá, trecho que em alguns meses no ano tem a navegação dificultada pelo fato de o derrocamento do Pedral do Lourenço não ter acontecido, apesar das eclusas de Tucuruí estarem concluídas há dois anos.

Para o evento já confirmaram a presença o Superintendente da AHIMOR – Administração das Hidrovias da Amazônia Oriental, Michel Dib Tachi; o Superintendente de Navegação Interior da ANTAQ, Adalberto Tokarski; o Diretor Executivo do Movimento Pró-Logística, Edeon Vaz; o presidente do SINDARPA Eduardo Carvalho; a Companhia de Portos e Hidrovias do Estado do Pará, Haroldo Costa Bezerra; inúmeros empresários e lideres da região.

Segundo Edeon Vaz a saída pelo Tocantins é estratégica para a produção de Grãos do Centro Norte brasileiro, dom destaque para o estado de Mato Grosso e a viabilização do Pedral do Lourenço é urgente a fim de garantir uma navegação segura o ano inteiro, durante 24h ao dia.

A abertura do XXIV Encontro contará com as presenças do Prefeito Municipal João Salame Neto e da Presidente da Câmara Municipal Julia Maria Rosa Veloso, onde vários temas serão tratados, tais como: “ Derrocamento do Pedral do Lourenço, Porto Público em Marabá, Demanda de transporte, terminal de uso Múltiplo 2 de Vila do Conde, ALPA, Usina de Marabá, dentre outros.

O encontro elaborará a CARTA DE MARABÁ que será enviada para as principais autoridades dos governos Federal e estadual.

Fonte: Assessoria de Comunicação da ADECON