A CAMPANHA COMEÇOU II

Continua depois da publicidade

O PMDB entrou com representação contra a Coligação encabeçada pelo PT, visando manifestação sobre a maneira usada pelo PT para mandar às ruas os carros de som já no dia 6 de julho. A Alegação é de que o PT não havia obtido ainda o C.N.P.J. e nem registrado o Comitê Financeiro da Campanha, consequentemente não poderia contrair nenhum tipo de despesa. Essa representação foi apresentada no dia 7 de julho e por enquanto ainda não houve nenhuma manifestação da Justiça Eleitoral, no entanto, desde o dia 9 de julho os carros de som que prestavam serviço ao Partido dos Trabalhadores foram retirados das ruas. Segundo informações o PMDB aguarda parecer da Justiça Eleitoral para entrar com outra ação, desta vez requerendo a cassação do registro da candidatura majoritária da Coligação “Parauapebas no rumo certo”.