20 de janeiro – Dia Nacional do Fusca

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

Continua depois da publicidade

FuscaP13A história do Dia Nacional do Fusca remonta ao ano de 1988 quando os contatos do então Sedan Clube do Brasil com a Volkswagen do Brasil, na época membro da Autolatina (Joint Venture entre a Volkswagen e a Ford) estavam melhorando e alguns eventos já haviam sido realizados com a ajuda da fábrica. Estes eventos foram a Primeira Exposição, o Quarto Passeio Anual, sem contar com o apoio que o setor de imprensa da VW dava às atividades do Sedan Clube através de divulgação em suas publicações.

Pequeno, com motor traseiro refrigerado a ar e um design totalmente diferente do tradicional do final dos anos 50, quando as ruas eram dominadas por grandes sedãs, o carro chamava a atenção. E sua capacidade de transportar até cinco pessoas, baixo consumo de combustível e resistência mecânica logo começaram a conquistar compradores.

Fabricado no Brasil desde 1959, o Fusca se tornou o mais popular do País e o mais vendido do mercado brasileiro por 24 anos consecutivos. Teve 3 milhões de unidades produzidas e atraiu o público por uma combinação de baixos custos de manutenção e aquisição, além de robustez e resistência para enfrentar vários tipos de terrenos. Portanto, ainda existem muitos carros rodando no dia a dia, ou apenas bem conservados e restaurados nas garagens de colecionadores.

Em meados de 1988 começou a preparado um mega-evento em Interlagos, o Encontro Nacional do Fusca que consolidaria a criação do Dia Nacional do Fusca.

Até hoje, tem uma legião de fãs. Em homenagem ao simpático carrinho.

Publicidade

Posts relacionados