Category Archives: Parauapebas

Eleições 2014 – Calendário Eleitoral : 23 setembro

2014

(12 dias antes)

Último dia para a reclamação contra o quadro geral de percursos e horários programados para o transporte de eleitores no primeiro e eventual segundo turnos de votação (Lei nº 6.091/74, art. 4º, § 2º).

Parauapebas vai implantar centro tecnológico para materiais ferrosos

A Secretaria de Desenvolvimento do município de Parauapebas pretende implantar um centro tecnológico para materiais ferrosos na cidade. A declaração foi feita pelo secretário Municipal de Desenvolvimento, Wander Nepomuceno (foto), na manhã de hoje (22), durante um evento realizado pela Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Mineração (Seicom) e pela Universidade Federal do Pará (UFPA).

Wander_thumbO Centro Tecnológico de Parauapebas (Cetep), segundo Wander Nepomuceno, funcionará como um suporte às ações de verticalização da cadeia mineral, com ênfase em produtos para siderurgia. O Cetep visa contribuir com a identificação de oportunidades com granulados, finos, rejeitos, produtos reciclados fundidos e com processos de retroalimentação.

“Temos o objetivo de criar um centro de excelência em tecnologia de materiais ferrosos. Contribuir para a verticalização da cadeia mineral, com a geração de empregos e de renda na região sudeste do Pará, tendo o desenvolvimento tecnológico e o relacionamento com a indústria extrativa mineral como bases de competitividade”, disse Nepomuceno.

Em sua palestra sobre a visão do futuro de Parauapebas, o secretário disse que o Cetep tem como estratégias atender às necessidades da indústria extrativa mineral e sua cadeia de fornecedores e clientes; antecipar as demandas com oferta de produtos e serviços; e contribuir na manutenção da liderança do mercado mundial de minério de ferro.

“Nós pretendemos gerar valor ao empreendedor, por meio da aplicação de conhecimentos científicos e tecnológicos aos processos e produtos, criando diferencial competitivo para a cadeia da indústria extrativa mineral, proporcionando conhecimento científico”, afirmou Nepomuceno.

“O desenvolvimento tecnológico precisa ser impulsionado como estratégia de defesa, devido às pressões de clientes e concorrentes da Vale, mesmo com a companhia estando bem posicionada para sustentar seu crescimento em minério de ferro”, afirmou o secretário.

Nepomuceno não deu detalhes sobre o valor do investimento para construir o centro, nem informou uma data específica de inauguração. Ele afirmou que a Secretaria de Desenvolvimento do município de Parauapebas possui uma agenda de análises e estudos já programada.

O secretário disse que, desde 2000, o Brasil perdeu participação no mercado mundial de minério de ferro, caindo de 20% para 12,5%, segundo dados do DNPM e do Ibram. Ele culpa os governos estaduais pela diminuição, afirmando que a má gestão atrasou diversos projetos de mineração no Pará.
“Parauapebas é a cidade que mais contribui para a balança mineral brasileira. O município exporta 96% de sua produção mineral. É a cidade mais importante para manter a estabilidade econômica do país. Nós precisamos muito de um centro tecnológico”, disse.

O secretário comparou a evolução do setor mineral do Pará com a de Minas Gerais. Segundo ele, o Estado do Sudeste está “bem a frente do Pará, porque possui mais centros de pesquisa e mais profissionais competentes”.

Palestra
Nepomuceno é engenheiro de minas pela Universidade Federal de Minas Gerais, com pós-graduação na Colorado School of Mining, nos EUA, e faz mestrado na Fundação Getúlio Vargas, com uma tese sobre o futuro de Parauapebas. O secretário trabalhou por 28 anos na Vale.

O secretário de Desenvolvimento de Parauapebas ministrou, na manhã de hoje (22), uma palestra na abertura do curso “Desenvolvimento Socioeconômico de Municípios Mineradores”, que faz parte do programa Territórios com Mineração.

Criado por meio de um convênio entre Seicom e UFPA, o programa pretende fortalecer a gestão pública de municípios mineradores do Estado. Com duração de agosto a novembro, a iniciativa promove quatro cursos de extensão, que têm como público-alvo vereadores, representantes do terceiro setor, instituições de ensino e pesquisa, agências de desenvolvimento local e empresários locais.

Por Fernando Osório – NMB

A quem interessar possa!

Quando alguém se dispõe a escrever um blog para repercutir notícias e dar sua opinião nos fatos que divulga, principalmente quando esses fatos envolvem política, está sujeito ao contraditório, que é quando alguém acha que tudo o que foi dito é besteira e tenta descaracterizá-lo, elencando razões que comprovariam estar errado o autor.

Meu Blog fez seis anos em 2014. Nesses seis anos procurei me manter em situação positivista em relação à maioria dos políticos locais e dos governos que passaram em Parauapebas e região. Acredito que apontar apenas os erros não é a forma ideal de contribuir para que sejam solucionados.

Tenho posição firme quanto a isso. Este não é um blog de denúncias vazias e de ataques pessoais à honra e à família de políticos. Não! Aqui se denuncia o que se pode provar. Aqui não se cobra de representantes do Ministério Público ou de Tribunais de Contas que atendam reclamações e publicações, quase sempre onde apenas um lado é ouvido ou porque me conluio com pessoas que visam crescer politicamente e querem que quem está no poder simplesmente saia de lá. Aqui não se acusa sem prova e não se muda de opinião ou de lado como fazem muitos pseudos-articulistas por aí.

Aqui você nunca leu ou vai ler que o trabalho do jornalista A, B ou C é ruim ou tendencioso. Eles que articulem para quem ou o que quiserem.

Como disse antes, não gosto de comentar o que diz colegas blogueiros, todavia, hoje terei que fazê-lo, pois sinceramente não entendo essa preocupação comigo do aziago carcereiro da polícia candanga, que escreve o Blog Sol do Carajás. Não entendo a insistência que ele tem em classificar este blogueiro como vendido e o meu blog como de aluguel.

Será inveja, já que ele, outrora defensor inconteste do PT e de Darci, passou a criticar e fazer agressões pessoais ao ex-prefeito, ao partido e aos aliados deste nas últimas eleições  simplesmente por acreditar que isso lhe daria cartaz com o atual prefeito, o qual passou a defender em um passe de mágica com toda a voracidade possível e imaginável?

Aqui, quando se denuncia algo é porque as provas estão arquivadas e, se necessário, serão mostradas em qualquer tempo.

Nos últimos dias disse em uma das colunas que recebera a informação de que o vereador parauapebense Charles Borges (SDD) teria procurado um empresário em Brasília para tentar extorquí-lo. Disse porque o empresário assinou um documento se responsabilizando pela autoria da denúncia e coube a mim apenas a divulgação da mesma. O documento e as provas estão guardados para serem apresentadas quando for necessário. Não ataquei ou fiz ataques covardes ao vereador. Muito pelo contrário, antes de publicar a denúncia estive pessoalmente na residência do mesmo para comunicar ter recebido-a e que iria publicá-la, todavia, gostara que ele se manifestasse à respeito. A resposta do vereador foi de que o fato não teria acontecido e que não iria dar declaração nenhuma. Fiz o que deve fazer qualquer jornalista ou blogueiro que tem a informação correta como moeda de troca com seus leitores, procurei a outra parte e dei a ela o amplo direito de defesa.

Estou em Parauapebas há exatos 30 anos. Conheço muita gente e a maioria dos políticos que aqui militam. Não me envolvo em golpes políticos com A ou B. Não tento manipular meus milhares de leitores com notícias produzidas por políticos ou asseclas destes. Como disse, conheço bem a maioria dos políticos locais e posso afirmar com absoluta certeza que a grande maioria deles não está nem aí para o povo ou para o eleitor. Sem querer generalizar, a grande maioria quer mesmo é se dar bem. Manipulam tudo e todos pelo poder. Alguns, se continuassem em suas atividades profissionais ganhariam bem mais que o salário de vereador, contudo, em um lampejo de altruísmo invejável, preferiram dedicar o restante da vida em prol dos mais necessitados.

Não vai ser no meu blog que políticos que há alguns dias comiam (alguns ainda comem) no prato do governo vão ganhar notoriedade por ter criado uma CPI porque o prefeito não cedeu à algumas exigências momentâneas desses e por esse motivos se rebelaram. E explico porque.

Qual o objetivo de uma CPI?

Uma CPI deve ser criada com objetivo definido em requerimento solicitando sua implantação. Após as investigações, apuradas irregularidades, estas devem ser encaminhadas ao Ministério Público para que este ofereça a denúncia à justiça.

Ora, o objetivo dessa CPI ( investigar a compra de contraceptivos pela Secretaria de Saúde de Parauapebas) já é fruto de uma denúncia apurada pelo Conselho Municipal de Saúde e encaminhada ao MP. Ou seja, qualquer que seja a conclusão da investigação dos vereadores esta já é fruto de investigação no MP e, portanto, esta CPI perdeu seu objetivo.

Quero deixar bem claro aqui que não sou contra a criação de CPI alguma. Acredito que investigar possíveis erros de conduta, equívocos administrativos ou má condução do erário é dever dos vereadores e que estes devem ser aplaudidos quando cumprem seus papéis de legisladores.

Os vereadores têm um papel importantíssimo no sistema administrativo municipal, todavia, penso que nossos edis perderam o foco. Não essa Câmara, mas as anteriores também. Por Parauapebas ser uma cidade de grandes recursos financeiros, nossos nobres legisladores não se preocuparam ou se preocupam em criar leis que visem o crescimento ordenado do município. Não fiscalizam nada, não criam nada, não estão nem aí pra nada, a não ser em vestir seus terninhos nas terças-feiras e usar a tribuna da Câmara por 20 minutos de demagogias imorais e absurdas, e passar no caixa no final do mês para apanhar seus suados dividendos.

Faço 50 anos no meio do ano que vem. Já passou aquele tempo em que eu sentia a necessidade de explicar as razões de minhas atitudes. Desculpem pelo desabafo, mas sempre acreditei que cada um deve levar a vida como quer e isso deve ser respeitado por todos, mesmos por aqueles sem escrúpulos algum.

Secretaria Municipal de Segurança Pública apresenta plano de trânsito na ACIP

Palestra Semsi - ACIPDiretores e sócios da Associação Comercial, Industrial e Serviços de Parauapebas (ACIP), participaram de uma reunião na última quinta-feira (18), no auditório da entidade, quando na oportunidade receberam profissionais que atuam na Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão de Parauapebas (SEMSI).

Hipólito Gomes - Titular da SEMSIAtravés do encontro, o titular da SEMSI, Hipólito do Nascimento Gomes, apresentou aos presentes o Plano de Ação para Segurança no Trânsito de Parauapebas, que diga-se de passagem é o que tem uma das maiores frotas de veículos do Pará e consequentemente leva o título de um dos mais violentos do Estado. Porém, “o nosso objetivo é arregaçar as mangas e trabalhar para que nosso trânsito seja cada dia melhor e que os índices de violência nesta área possam cair”, alertou Hipólito durante palestra proferida na sede da ACIP.

Gleidson Afonso Almeida de Souza - Diretor do DMTTO diretor do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte de Parauapebas, Gleidson Afonso Almeida de Souza, também presente na reunião, repassou aos presentes os números do trânsito em Parauapebas, enfocando a importância de toda a sociedade organizada se unir para que o trânsito de Parauapebas e região seja mais seguro. “O nosso departamento que é ligado a Secretaria Municipal de Segurança Institucional está de portas abertas para que juntos possamos fazer de nosso trânsito um meio mais seguro”, destacou.

Amparo Borges - Assessora de Comunicação SemsiNa oportunidade, Amparo Borges, atual Assessora de Imprensa da SEMSI, apresentou as campanhas já desenvolvidas pela secretaria, como no carnaval, “transporte legal é transporte seguro”, FAP 2014 e Semana Nacional do Trânsito, e enfocou a importância de se trabalhar em parceria com a sociedade organizada.

Oriovaldo Mateus - presidente da ACIPPara Oriovaldo Mateus, atual presidente da Associação Comercial, Industrial e Serviços de Parauapebas (ACIP), a reunião foi muito produtiva e serviu para que os diretores da entidade e seus respectivos associados pudessem conhecer um pouco mais da realidade da área da segurança em Parauapebas. “Nós da ACIP nos sentimos lisonjeados em receber estes profissionais em nossa sede, e aproveitamos a oportunidade para afirmar que sempre estaremos à disposição para contribuir no que for preciso, afinal, nós comerciantes e empresários usufruímos muito do trânsito de Parauapebas e é nosso dever contribuir para que as coisas aconteçam da melhor forma possível”, destacou o presidente.

Texto e fotos: Bariloche Silva – Assessoria de Imprensa da ACIP

Manifestantes interditam a portaria de Carajás em protesto contra a Vale e Jatene cancela visita que faria à Parauapebas

Interdição da portaria de Carajás - Foto Vinícius NogueiraCerca de 100 manifestantes bloqueiam desde às 5 horas desta segunda-feira a portaria de acesso ao Projeto Carajás, em Parauapebas. Eles protestam em virtude de uma liminar concedida pela justiça que manda retirar cerca de 400 famílias residentes em uma área que ficou conhecida como “Linhão”, nos bairros Tropical I e II e Ipiranga.

Segundo os autos, que tem como requerente a Vale, o despejo das famílias está previsto para o próximo dia 30. Em protesto contra o descaso da Vale, uma manifestante chegou a se acorrentar em uma pilastra na guarita de acesso à Carajás durante o manifesto.

Interdição da portaria da Vale em Carajas 21-9

Com a interdição da portaria, a visita que o govenador Simão Jatene faria à Parauapebas na manhã de hoje foi cancelada. Segundo a assessoria do governador, ainda não há previsão de quando essa visita acontecerá.

Nota da Vale

Em relação à ocupação na região do bairro Jardim Tropical II, a Vale esclarece que a área está localizada em faixa de servidão de linhas de transmissão de energia de alta tensão, existentes há mais de uma década. Apesar de se tratar de uma zona de alta periculosidade, que se encontra devidamente sinalizada, o terreno vem sendo ocupado irregularmente nos últimos meses.

Diante do alto risco de fatalidade e para prevenir ocorrências que coloquem em risco a vida das famílias que ocupam o local, a Vale requereu ao Tribunal de Justiça do Pará a reintegração de posse.

Em 20 de agosto deste ano, a Justiça concedeu liminar determinando a  desocupação imediata e urgente da faixa de terra. Para a decisão, conforme consta no documento, foi considerado justamente o elevado risco de descarga elétrica e o grave e iminente risco de vida às pessoas que invadiram e ocupam o local irregularmente.

A Vale reitera seu compromisso com a segurança de suas operações, bem como das comunidades onde atuamos. A empresa reforça seu respeito aos moradores e permanece aberta ao diálogo, para continuidade do bom relacionamento nas localidades onde mantém operações.

Eleições 2014 – Calendário Eleitoral : 22 setembro

2014

( 13 dias antes)

Último dia para os partidos políticos, as coligações, a Ordem dos Advogados do Brasil e o Ministério Público impugnarem os programas a serem utilizados nas eleições de 2014, por meio de petição fundamentada, observada a data de encerramento da Cerimônia de Assinatura Digital e Lacração dos Sistemas (Lei nº 9.504/97, art. 66, § 3º).

Resultado da Mega-Sena 1637 – acumulou

image

Eleições 2014 – Calendário Eleitoral : 20 setembro

2014

(15 dias antes)

Data a partir da qual nenhum candidato poderá ser detido ou preso, salvo em flagrante delito (Código Eleitoral, art. 236, § 1º).

Último dia para a requisição de funcionários e instalações destinados aos serviços de transporte e alimentação de eleitores no primeiro e eventual segundo turnos de votação (Lei nº 6.091/74, art. 1º, § 2º).

Data em que deverá ser divulgado o quadro geral de percursos e horários programados para o transporte de eleitores para o primeiro e eventual segundo turnos de votação (Lei nº 6.091/74, art. 4º).

    Emprego: Prefeitura de Parauapebas realiza Processo Seletivo Simplificado (PSS) para contratação temporária de pessoal

    A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Administração (Semad), realiza Processo Seletivo Simplificado (PSS) para contratação temporária de pessoal que atuará nas duas Unidades de Pronto Atendimento (UPA) que serão inauguradas pelo governo Valmir Mariano nos próximos dias. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), serão necessários 285 novos servidores para suprir a demanda de atendimento.

    Os profissionais interessados em participar do processo seletivo devem entregar o currículo na Coordenadoria de Treinamento de Recursos Humanos (CTRH) que funciona no prédio da Prefeitura, entre os dias 23 e 25 de setembro, conforme o seguinte cronograma:

    image

    Os candidatos que tiverem seus currículos selecionados serão convocados para a entrevista e a relação com os respectivos nomes será publicada no site da Prefeitura de Parauapebas e no Átrio da Prefeitura, no dia 29 de setembro de 2014.

    O Edital que estabelece todo o processo seletivo está disponível no portal da Prefeitura.

    Fonte: ASCOM PMP

    Dia da Família na Escola e Pacto pela Educação no Pará neste sábado (20)

    Neste sábado (20), a Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), realiza, simultaneamente, nas 50 escolas urbanas da rede municipal de ensino dois grandes eventos: o Dia da Família na Escola e o lançamento oficial do Pacto pela Educação do Pará no município.

    O Dia da Família na Escola é um evento que faz parte do calendário escolar municipal, realizado trimestralmente em todas as unidades educacionais da rede de ensino. Objetiva estreitar os laços e promover uma maior interação entre família e escola em uma busca constante pela melhoria da qualidade do ensino.

    Já o Pacto pela Educação do Pará é um esforço integrado de diferentes setores e níveis de governo, da sociedade civil (fundações, ONGs e demais organizações sociais), da iniciativa privada e de organismos internacionais, de caráter suprapartidário, intersetorial, federativo e participativo, liderado pelo Governo do Estado do Pará, que objetiva aumentar em 30% o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do estado, em todos os níveis, até 2017.

    Apesar dos eventos ocorrerem em todas as unidades educacionais da zona urbana, a cerimônia do lançamento oficial do Pacto, que contará com a presença de autoridades municipais, do Comitê Municipal do Pacto pela Educação do Pará, de representantes do Comitê Regional, da Secretaria Estadual de Educação, alunos e pais de alunos da rede estadual e municipal e comunidade, acontecerá na Escola Municipal de Ensino Fundamental Chico Mendes, localizada na Rua B, Bairro Cidade Nova, às 8 horas da manhã.