Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Combustíveis

Posto com gasolina mais cara do Pará é de Parauapebas; saiba qual é

No município, preço varia de R$ 5,089 a R$ 5,39. Estabelecimento mais caro, em vez de baixar os preços, aumentou 5 centavos e tomou o pódio pertencente a um posto de Altamira, na região do Xingu.

Caiu para uma média de R$ 5,135 o litro da gasolina na “Capital Nacional do Minério de Ferro”, conforme relatório da Agência Nacional do Petróleo (ANP) divulgado na tarde desta segunda-feira (12) e ao qual o Blog do Zé Dudu teve acesso com exclusividade. O preço médio é 3 centavos menor em relação ao último levantamento de preços da ANP e divulgado aqui mesmo no Blog (https://www.zedudu.com.br/dossie/combustiveis/).

No entanto, se antes a diferença entre o posto mais barato e o mais caro era de 22 centavos, agora subiu para 30 centavos. Na prática, o consumidor que optar por encher seu tanque de 50 litros no estabelecimento mais caro vai gastar R$ 15 a mais. No levantamento anterior, com coleta entre os dias 21 e 27 de outubro, a diferença entre o mais barato e o mais caro estava em R$ 11.

À exceção do posto da Avenida Liberdade, no Bairro Rio Verde, que reajustou a tabela em 5 centavos, todos os demais avaliados no levantamento da ANP baixaram o preço da gasolina. Vale ressaltar que nesta edição da “Síntese dos Preços Praticados”, com coleta realizada na última quinta-feira (8), saíram da checagem os postos da Rua P (Bairro União) e da PA-160 (Bairro Cidade Jardim) e entraram os estabelecimentos das ruas Princesa Isabel (Bairro Liberdade) e Padre Josimo (Bairro da Paz).

Gasolina mais em conta

A pesquisa, com preços ainda válidos hoje, desconsidera promoções relâmpagos, pontuais e afins e constatou que o posto da Rua 13 (Bairro Cidade Nova) é o que vende a gasolina mais barata em Parauapebas, por R$ 5,089 o litro. Ele é seguido de muito próximo pelos estabelecimentos das ruas Amsterdã (Bairro Vila Rica), H (Bairro Cidade Jardim) Princesa Isabel e Padre Josimo, onde o produto é comercializado a R$ 5,09.

No posto da Rua A (Bairro Cidade Nova), o combustível é encontrado por R$ 5,10, enquanto na Avenida F (Bairro Beira Rio) e na Rua E (Bairro Cidade Nova) sai a R$ 5,14. A gasolina mais cara continua a ser, segundo o levantamento da ANP, a do posto da Avenida Liberdade: R$ 5,39. E, desta vez, ela não se consagrou apenas a mais cara de Parauapebas, mas também entre os 117 postos pesquisados pela Agência Nacional do Petróleo no Pará — mesmo a Petrobras tendo anunciado a sexta redução seguida na semana no preço da gasolina nas refinarias.

Veja também:  Bolsa Família irrigou mais de R$ 220 milhões no sudeste do Pará este ano

Os postos do município, aliás, compram o produto, em média, 58 centavos mais barato do que repassam ao consumidor.

Preços praticados no Pará

Entre 16 municípios com preços apurados, Parauapebas é o que apresenta a segunda gasolina mais cara na média. Os R$ 5,135 cobrados aqui só são superados pelos R$ 5,253 de Altamira. Ananindeua (R$ 4,565), Belém (R$ 4,602) e Bragança (R$ 4,603) oferecem o produto mais em conta no estado.

Na região de Carajás, Marabá comercializa o produto mais barato, a preço médio de R$ 4,868, portanto, 26 centavos a menos em relação a Parauapebas. Além de ser o maior centro distribuidor de combustíveis da parte leste do Pará, Marabá também tem o posto mais em conta. Ele se localiza na quadra 17 da Folha 12, na Nova Marabá, e repassa o produto ao consumidor por R$ 4,75. Há, inclusive, postos na cidade que vendem gasolina ainda mais barato, mas não entraram desta vez na estatística da ANP, que só checou 14 postos no município.

PREÇO DA GASOLINA EM PARAUAPEBAS 8/11

Rua 13, Bairro Cidade Nova

R$5,089

Rua Amsterdã, Bairro Vila Rica

R$5,09

Avenida H, Bairro Cidade Jardim

R$5,09

Rua Princesa Isabel, Bairro Liberdade

R$5,09

Rua Padre Josimo, Bairro da Paz

R$5,09

Rua A, Bairro Cidade Nova

R$5,10

Avenida F, Bairro Beira Rio

R$5,14

Rua E, Bairro Cidade Nova

R$5,14

Avenida Liberdade, Bairro Rio Verde

R$5,39

Fonte: ANP (2018).

Comentários ( 2 )

Deixe uma resposta