Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Esportes

No duelo dos desesperados, Paysandu só empata com o CRB e segue no Z4 da Série B

O Papão continua na temida zona de rebaixamento e segue em uma situação crítica

O Paysandu Sport Club voltou a decepcionar a Fiel Bicolor. Na noite desta terça-feira (9), o Papão não passou de um empate contra o CRB-AL, no Estádio Leônidas Castro, a Curuzu, em Belém, e segue na temida zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B. A partida terminou em 1 a 1 e foi válida pela 31ª rodada da competição nacional.

Os gols do jogo foram assinalados ainda na primeira etapa. O Paysandu saiu na frente logo aos 2 minutos de bola rolando, em uma cobrança de pênalti do atacante Hugo Almeida. Só que o CRB não se intimidou e chegou ao empate em um golaço de fora da área do atacante Rafael Carioca, aos 37 minutos.

Com o resultado, o CRB conseguiu sair da zona de rebaixamento e agora é o 16° colocado com 32 pontos, enquanto que o Paysandu segue no Z4 com os mesmos 32 pontos, mas perde para o time alagoano no saldo de gols e ocupa a 17ª posição.

O Paysandu volta a campo contra o líder Fortaleza-CE, no sábado (20), às 19h, na Arena Castelão, em Fortaleza. A partida será válida pela 32ª rodada da Série B.

O jogo: Papão 1 x 1 Galo

O Paysandu começou bem o duelo dos desesperados. Logo a um minuto, Hugo Almeida cruzou rasteiro na área e Mike foi derrubado, pênalti assinalado. Hugo Almeida cobrou rasteiro no canto e abriu a contagem na Curuzu, aos 2 minutos, 1 a 0 Papão. O CRB deu a resposta rapidamente, em uma cobrança de falta quase que frontal, o atacante Neto Baiano acabou isolando.

Empurrado pela Fiel Bicolor, o Paysandu continuou atacando. O meia Thomaz emendou um belo chute, o chamado três dedos, a bola passou assustando contra a meta do goleiro João Carlos, a torcida ficou no “uh”. Em uma jogada rápida pela direita, Maicon Silva cruzou para o meio e o atacante Hugo Almeida não pegou em cheio na bola e perdeu uma grande chance de ampliar o marcador.

O lateral-direito Maicon Silva rolou uma bola na boa para o chute de Nando Carandina, mas o volante bicolor errou o alvo. Em uma falta perigosa para o Papão, Mike cobrou em cima da barreira e na volta alçou bola na área e o goleiro João Carlos saiu bem e ficou com ela. O Galo teve um escanteio cobrado por Edson Ratinho, o zagueiro Anderson Conceição subiu no último andar e cabeceou por cima.

Em uma falta para o time alagoano, Paulinho levantou na área para Lázaro, que emendou de canela e mandou longe da meta de Renan Rocha. O Papão chegou na boa triangulação, quando Maicon Silva tocou para Mike que ajeitou para o chute de Nando Carandina e outra vez não finalizou bem e mandou para fora. Em uma cobrança de escanteio, o goleiro Renan Rocha tirou de soco, mas a bola caiu nos pés do atacante Rafael Carioca, que mandou um chutaço de fora da área e deixou tudo igual na Curuzu, 1 a 1, aos 37 minutos.

Veja também:  Paysandu empata com o Criciúma e sai da zona de rebaixamento da Série B

Na última chance do primeiro tempo, Thomaz cobrou falta na área, a bola passou por todo mundo do Paysandu e a zaga acabou desviando para escanteio. O segundo tempo começou com forte marcação. Em uma grande jogada de Willyam do Papão, a zaga do Galo conseguiu travar na hora da finalização. Em um lançamento para Hugo Almeida, o atacante bicolor caiu na área, mas a arbitragem mandou seguir o lance.

Outra vez Willyam levou perigo quando encarou a marcação, invadiu a área e encheu o pé, a bola passou assustando contra a meta de João Carlos. Em uma jogada rápida do Paysandu, a bola veio para o meio e Willyam chutou, Edson Ratinho do CRB tirou quase que de cima da linha. Que chance perdeu o Papão. Willyam, que entrou muito bem na partida, cruzou para a cabeçada do atacante Lúcio Flávio, a bola passou tirando a tinta da trave alagoana.

A casa quase caiu para o Paysandu, quando Nando Carandina falhou em uma bola de frente, Iago roubou e sozinho chutou em cima do goleiro Renan Rocha, que evitou a derrota da equipe paraense. O árbitro Elmo Alves Resende Cunha, de Goiás, acabou pegando uma falta de Nando Carandina em cima de Iago e mostrou cartão amarelo para o volante bicolor. Os jogadores do CRB pediram o vermelho e na confusão o meia Diego Rosa do Galo acabou sendo expulso porque empurrou o árbitro. Após muita demora para cobrar a falta, Neto Baiano disparou em cima da barreira. Placar final: Paysandu 1 x 1 CRB.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU: Renan Rocha; Maicon Silva, Diego Ivo, Timbó e Diego Matos (Lúcio Flávio); Renato Augusto, Nando Carandina, Marcos Júnior (Willyam), Thomaz (Romarinho) e Hugo Almeida; Mike. Técnico: João Brigatti

CRB: João Carlos; Edson Ratinho, Lázaro, Anderson Conceição e Paulinho; Claudinei, Serginho (Wellignton Carvalho), Renan Oliveira (Luiz Otávio), Rafael Carioca (Diego Rosa) e Iago; Neto Baiano. Técnico: Roberto Fernandes

Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)

Assistentes: Leone Carvalho Rocha (GO) e Tiago Gomes da Silva (GO)

Cartões amarelos: Fernando Timbó e Nando Carandina (Paysandu); Serginho, Paulinho, Lázaro, Neto Baiano e Wellington Carvalho (CRB)

Cartão vermelho: Diego Rosa (CRB)

Gols: Hugo Almeida, de pênalti, aos 2 minutos do 1° tempo para o Paysandu; Rafael Carioca, aos 37 minutos do 1° tempo para o CRB

Local: Estádio Leônidas Castro, a Curuzu, em Belém

Renda: R$ 91.115,00

Pagantes: 5.520

Sócio Torcedor: 1.555

Credenciados: 1.250

Total: 6.770

Por Fábio Relvas
Foto: Fernando Torres / Ascom Paysandu

Deixe uma resposta