Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Coluna

Ela sabe muito bem ensinar, mas dessa vez, ela teve que aprender!

Você leva uma vida sedentária? Acompanhe as importantes dicas da personal trainer Patrícia Alessi e altere seu corpo e sua mente.

A arte de ensinar é um dom para poucas pessoas. Ter paciência, enfrentar várias dificuldades e em muitas vezes não receber o devido respeito faz parte da vida dos professores atualmente e mesmo assim manter um sorriso no rosto e exercer a melhor profissão que existe (sem menosprezar nenhuma outra é claro).

Sempre mantive o maior respeito e consideração por todos os meus professores desde a época da escola até na graduação e pós-graduação, principalmente a minha mãe que também é professora e que me incentivou a seguir essa profissão.

O texto da semana é com a professora e bióloga mais “fitness” de Parauapebas (pelo menos ela está tentando chegar nesse patamar), Saiara Jesus da Silva de 28 anos.

Saiara é uma excelente profissional, sabe ensinar com muita criatividade, mas dessa vez, ela teve que “aprender” e fazer algumas mudanças para continuar exercendo sua amada profissão.

Para Saiara, praticar uma atividade física nunca foi uma rotina que mantinha por muito tempo, ela comenta que sempre iniciava uma atividade, mas devido ao trabalho ou por ser distante da sua casa, Saiara não permanecia por muito tempo. Já tentou fazer natação, boxe e musculação, mas não chegava a ter resultados porque sempre parava.

Ao ter um objetivo e uma meta a ser alcançada, Saiara decidiu se exercitar regularmente, “Em 2017, eu comecei novamente a fazer academia regularmente por 5 meses pois o foco era perder gordura e ganhar massa porque eu ia casar, eu tinha esse objetivo”. Após o casamento, Saiara já deixou de ir regularmente mais uma vez.

Por carregar mochila pesada, ter muitas aulas e não se exercitar regularmente, Saiara começou a sentir dores nas costas. “Eu comecei a sentir dores nas costas e ver a necessidade de melhorar minha saúde porque vou fazer 30 anos”.

Em uma conversa em um final de semana, Saiara relatou sua desmotivação e queixa sobre suas dores. Eu me disponibilizei em ajudar a Saiara a não desistir dos exercícios físicos.

Saiara faz parte de um projeto de Assessoria, eu acompanho ela durante um período, após ela entender como funcionará o programa de treino, ela realiza sozinha.  “Está dando certo, já percebi diferenças no meu corpo, não são grandes diferenças ainda porque voltei a pouco tempo. Eu comecei a conciliar uma melhor alimentação e estou usando uma mochila de rodinha para não carregar tanto peso” comenta Saiara.

Veja também:  Se não calcular, você não sai do lugar e não treina

Após todas essas mudanças na rotina de Saiara, quando ela não consegue se exercitar, ela sente-se culpada “Eu me sinto culpada quando não vou treinar, eu fico pensando que estou fazendo mal para o meu corpo porque vai está acumulando gordura, mais um dia que eu perdi e que não fortaleci a musculatura e tenho a sensação de me sentir culpada quando não faço nenhuma atividade física” comenta Saiara.

Para tentar “compensar” e as vezes para mudar a atividade, Saiara sai para a rua para caminhar e correr. Recentemente ela já teve melhoras no seu ritmo e conseguiu correr por mais tempo, deixando Saiara feliz com os benefícios que ela está tendo com a pratica regular dos exercícios físicos.

A mensagem que Saiara deixa para os leitores é: “A vida de quase todo mundo é muito corrida, é difícil realmente arrumar tempo, mas pela nossa saúde, a gente tem que tentar organizar nossos horários e um tempinho pra gente, porque melhora nossa autoestima, melhora nosso bem-estar, a nossa saúde e mais confiante e disposto para aproveitar a vida” finaliza Saiara.

Quero agradecer a confiança da Saiara no meu trabalho e eu fico muito feliz que ela não tenha desistido dos exercícios físicos, principalmente da musculação e agradecer a participação na coluna desta semana em dividir sua experiência com os exercícios.

Buscar ajuda profissional é muito importante para você tenha a orientação do que é o correto a ser feito. Assim como Saiara buscou minha ajuda devido as dores que ela vinha sentindo com frequência, fez com que vários benefícios vieram junto.

Caso você que sente dores devido ao seu esforço do trabalho e falta de disposição, inicie a pratica de exercícios o mais rápido possível. Poucas mudanças podem fazer toda a diferença na nossa saúde!

Não esqueça de deixar seu comentário no texto e sugerir assuntos para a próxima semana!

Excelente semana a todos!

Deixe uma resposta