Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Parauapebas

Criação de zona azul amenizará deficiência nos estacionamentos em Parauapebas

O trâmite para a implantação do sistema rotativo de estacionamentos encontra-se em andamento, já tendo o processo sido votado na Câmara Municipal e o decreto assinado pelo prefeito

A busca por uma vaga nos estacionamentos de Parauapebas pode levar horas e às vezes terminar sem o resultado esperado, ou vindo a estacionar bem distante de onde gostaria.

Isso acontece em diversos pontos da cidade, principalmente nas proximidades de centros comerciais ou de agências bancárias e praças; sobretudo nas Ruas ‘E’ e ‘F’, no Bairro Cidade Nova; e Ruas Do Comércio e JK, Bairro Rio Verde; além de praças e estacionamentos que margeiam a Rodovia PA 275. Em tais locais, os motoristas são auxiliados pelos flanelinhas, que orientam a entrar e sair do estacionamento para que sejam evitados acidentes. E tão logo entram no estacionamento, o condutor já espera que um deles sinalize se há vagas ou não.

Mas não é apenas a falta de espaço para estacionar que dificulta a vida dos condutores, há também o mau uso deles, pois grande parte é usada por donos de lojas de veículos usados, que expõem os carros nos estacionamentos, transformando-os em uma extensão de seu negócio; além de trailers de lanches que se apossaram dos espaços públicos de forma definitiva, ficando no local 24 horas por dia.

SOLUÇÃO

Se depender do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT), este problema está com os dias contados, pois será solucionado com a implantação do sistema Zona Azul, que irá normatizar, principalmente, próximo de áreas mais movimentadas da cidade.

O secretário municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão, Wanterlor Bandeira, titular da pasta que subordina o DMTT, órgão fiscalizador do trânsito no município, revelou que uma solução para resolver o problema de falta de espaço para estacionamento já está em tramitação.

“Há medidas que estamos tomando no sentido de otimizar e melhorar esses estacionamentos na cidade, haja vista que há mais carros que vagas nos estacionamentos. Então, o governo municipal, através da Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (SEMSI), está tomando medidas para criar os estacionamentos rotativos nas áreas de maior fluxo da cidade. Otimizando esses espaços, acredito que mais pessoas terão a liberdade de estacionar esses carros de maneira mais democrática,” explicou Wanterlor Bandeira.

Veja também:  “Hoje é Dia de Cuidar e Brincar” levou assistência social às famílias em Parauapebas

O trâmite para a implantação do sistema rotativo de estacionamentos, segundo ele, já se encontra em andamento, tendo o processo sido votado na Câmara Municipal e o decreto assinado pelo prefeito. Ainda de acordo com o secretário, a demora ocorre pela complexidade do caso, tendo, inclusive, que se refazer o projeto, pois se fez necessária a inserção de outras áreas. Quanto às tarifas, estão sendo discutidas para que sejam justas e módicas.

USUÁRIOS FIXOS

Até os comerciantes ou funcionários que precisam passar o dia todo com o veículo estacionado precisarão se adequar, pois a empresa que administrará os estacionamentos não fará distinção. Sendo assim, será viável que venham para o trabalho usando o transporte coletivo de passageiro ou negociem com a concessionária dos estacionamentos para ter um preço mais em conta.

“Nas ruas comerciais será implantada a zona azul. Mas isso não impede que os comerciantes busquem parceria com a empresa concessionária do sistema para negociar preços diferenciados para poder manter seus veículos e de seus funcionários durante o período que achar necessário,” explica Wanterlor, completando que o comerciante precisa entender que aquele espaço não é dele, mas do cliente que precisa do conforto de estacionar enquanto faz suas compras.

Quanto ao uso de estacionamento pelas empresas que comercializam veículos ou outros produtos, o secretário também apresenta a solução: com a implantação da zona azul, o uso desses espaços por empresas de forma indevida deixará de acontecer.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe uma resposta