Internet de qualidade é WKVE Liga você ao mundo!
Esportes

Atlético Paraense perde para o Izabelense pela 2ª rodada da Segundinha do Parazão

Apesar de duas derrotas, o CAP segue com chances matemáticas de avançar

O Clube Atlético Paraense enfrentou o Izabelense e perdeu, por 3 a 1, na tarde deste sábado (13), no Estádio Edilson Abreu, o Abreuzão, em Santa Izabel do Pará. A partida foi válida pela 2ª rodada da Segundinha do Parazão.

O Frangão da Estrada abriu o placar com Dioguinho, aos 14 minutos do 1° tempo. O Tricolor do Norte reagiu e igualou rapidamente com o gol de cabeça do atacante Monga, aos 23 minutos. O zagueiro Guigui, também de cabeça, voltou a deixar o time da casa em vantagem ainda no primeiro tempo, aos 37 minutos. Para fechar a contagem, Vanderlei assinalou para o Izabelense, aos 37 minutos da etapa derradeira.

Apesar de duas derrotas, em dois jogos realizados, o Atlético Paraense segue com chances matemáticas de avançar para o primeiro mata-mata da Segundinha do Parazão. Para isso acontecer, vai ter que torcer para a Tuna Luso vencer o Izabelense no Estádio Mangueirão, em Belém, por qualquer placar e fazer sua parte e vencer o Gavião Kyikatejê, por três gols de diferença, no Estádio Rosenão, em Parauapebas. A terceira e última rodada será no próximo domingo (21), com as duas partidas no mesmo horário, às 16h.

O jogo: Frangão da Estrada 3 x 1 Tricolor do Norte

O Izabelense começou melhor a partida e impôs um forte ritmo de jogo. A torcida do Frangão da Estrada empurrou sua equipe em busca do gol, que acabou saindo através de Dioguinho, que pegou uma sobra de bola dentro da área e marcou, aos 14 minutos. O Atlético Paraense não se intimidou e foi atrás do empate e o tento saiu quando Felipinho cruzou na medida para o atacante Monga, que marcou ao seu estilo, de cabeça, aos 23 minutos.

Após o gol de empate, o Atlético cresceu na partida e dominou as ações. O meia Kaká Mendes, que fez sua estreia na equipe do Tricolor do Norte, chegou a marcar, mas a arbitragem assinalou impedimento. O jogador mais perigoso do Frangão da Estrada era o atacante Everson Bilau. Em uma cobrança de falta do atacante, a bola foi alçada na área, o zagueiro Guigui pegou a sobra e marcou de cabeça, aos 37 minutos.

Na etapa derradeira, o Izabelense começou com tudo e levando sempre muito perigo em bolas paradas. Negueba cobrou falta e no desvio de cabeça, a bola explodiu na trave do goleiro Roger Kath. O lateral-esquerdo Juninho do Atlético sentiu a coxa e deu lugar a Léo Tuntum. Em uma descida perigosa do Tricolor do Norte, após cruzamento o atacante Monga cabeceou e a bola passou muito perto da meta do goleiro Alan.

Veja também:  Atlético Paraense empata com o Barca da Bola em amistoso no Estádio Rosenão

Em um contra-ataque rápido do Izabelense, Ramonzinho cruzou na medida para Edicleber que conseguiu perder um gol feito. O CAP reagiu imediatamente com Kaio Paquetá, que em duas oportunidades mandou dois chutes para fora. Quem não faz leva. O Frangão da Estrada foi para cima e marcou o terceiro. Everson Bilau em boa jogada individual cruzou para área, Léo Tuntum se atrapalhou e não conseguiu cortar e Vanderlei completou para o fundo do barbante, aos 37 minutos, 3 a 1. Festa da torcida do Frangão da Estrada.

O Atlético tentou diminuir, na cabeçada do zagueiro Léo Azevedo, o goleiro Alan espalmou para escanteio. Depois do lance, os donos da casa abusaram em perder gols, com chances desperdiçadas por Everson Bilau e Vanderlei. Placar final no Estádio Abreuzão: Izabelense 3 x 1 Atlético.

“Nosso time pegou um gol de cartas marcadas. Sabíamos que a jogada mais perigosa deles era essa. Pegamos dois gols de bola parada e isso não pode acontecer. Agora vamos ter que ir para cima do Gavião Kyikatejê no Rosenão e terminar com vitória no último jogo da Segundinha”, afirmou Chicão, volante do Atlético Paraense.

O Atlético Paraense atuou com: Roger Kath; Matheus Moreno (Kaio Paquetá), Léo Azevedo, Léo Fortunato e Juninho (Léo Tuntum); Chicão e Kaká Mendes; Luciano (Lucas), Felipinho e Gugagol; Monga.

 “Primeiro de tudo parabenizar o Izabelense. A nossa proposta de jogo não visa somente o resultado. O Clube Atlético Paraense tem uma proposta de valorizar os atletas. Dois gols foram sofridos pela não adaptação do gramado de jogo que foi um adversário a mais. Estamos ainda com chances matemáticas de classificação e vamos tentar fazer mais de dois gols no Gavião”, disse Marcelo Cardoso, técnico do Atlético Paraense.

No outro jogo da 2ª rodada do Grupo A4, a Tuna Luso venceu o Gavião Kyikatejê, por 2 a 0, em jogo realizado nesta sexta-feira (12), no Estádio Olímpico Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém. Os gols da Águia Guerreira foram assinalados somente na etapa final, com o atacante Yan, logo a um minuto e pelo lateral-direito Léo Rosa, aos 40 minutos.

Classificação do Grupo A4 da Segundinha do Parazão

1° Tuna: 6 pontos

2° Gavião Kyikatejê: 3 pontos

3° Izabelense: 3 pontos

4° Atlético: 0 ponto

Por Fábio Relvas

Deixe uma resposta