Justiça Federal condena prefeita de Novo Repartimento, PA

Valmira da Silva é acusada de envolvimento em desvio de verbas da saúde. Um empresário do Mato Grosso também foi condenado.

Do G1 PA

A Justiça Federal condenou a atual prefeita de Novo Repartimento, sudeste do Pará, Valmira Alves da Silva (PR), a se afastar do cargo por envolvimento no esquema de desvio de verbas da saúde conhecido como “Máfia dos Sanguessugas”. Além dela, o empresário Luiz Antônio Trevisan Vedoin, dono de uma das empresas que prestavam serviço à Prefeitura, também foi condenado. Ambos tiveram seus direitos políticos suspensos por dez anos.

De acordo com o Ministério Público Federal no Pará (MPF), a decisão do juiz federal Pablo Zuninga Dourado condenou os acusados a ressarcir R$ 4,3 mil aos cofres públicos, além de proibi-los de fazer contratos públicos ou receber benefícios fiscais pelos próximos cinco anos.

Durante a gestão de Valmira da Silva, de 2002 a 2004, foi firmado um convênio entre o município e o Ministério da Saúde para adquirir uma unidade móvel de saúde no valor de R$ 88 mil. Deste total, a Prefeitura entraria com R$ 8 mil.

Segundo o MPF, como parte do esquema de desvio de verbas, a Prefeitura realizou duas licitações, uma para comprar o veículo e outra para comprar equipamentos para a unidade móvel. As duas licitações foram realizadas no modelo carta-convite, possível quando o valor total não ultrapassa R$ 80 mil. “A modalidade carta-convite tornava viável a ação da quadrilha ao limitar as empresas que participavam das licitações. Dessa forma, duas empresas saíram vencedoras das licitações realizadas; uma delas, a Santa Maria Comércio e Representações Ltda, propriedade de Luiz Antônio Trevisan Vedoin”, explica o MPF.

De acordo com o MPF, no total, R$ 92 mil foram desviados no esquema.

O G1 tentou entrar em contato com a Prefeitura de Novo Repartimento e o empresário, mas até o momento ninguém foi encontrado para falar sobre o caso.

Entenda o caso
De acordo com o MPF, a quadrilha desmontada pela Polícia Federal, que fraudava a venda de ambulâncias para prefeituras de diversos estados do país, era chefiada pela família Trevisan Vedoin, no Mato Grosso, e tinha membros infiltrados na Câmara dos Deputados, no Ministério da Saúde e na Associação de Municípios do Mato Grosso.

O primeiro passo da ação da quadrilha era o contato com os prefeitos interessados. Com a concordância do prefeito, a quadrilha acionava assessores de parlamentares que preparavam emendas a serem apresentadas por deputados e senadores. Com o texto aprovado no Congresso Nacional e no Ministério da Saúde, caberia à empresa Planam, de propriedade da família Trevisan Vedoin, montar as ambulâncias e entregá-las ao prefeito. A empresa superfaturava em até 110% a operação e entregava um veículo sem os equipamentos necessários para atendimentos de emergência.

O esquema foi descoberto em 2001 pelo MPF. Em maio de 2006 a Polícia Federal realizou uma operação para desarticular a quadrilha. Foram cumpridos 53 mandados de busca e apreensão e 48 pessoas foram presas, incluindo funcionários públicos que atuavam no Ministério da Saúde e na Câmara dos Deputados, além dos empresários Luiz Antônio Vedoin e Darci Vedoin, sócios da Planam.

34 Responses to Justiça Federal condena prefeita de Novo Repartimento, PA

  1. Paula disse:

    N adianta 40rentada, a Valmira Alves ja ganhou essa, n vai ser um blogzinho q vai derrubar a nossa prefeita, amanhã ela vai na justiça e prova tdo, e ainda consegue uma liberação do juiz p falar q quem inventou a mentira ta querendo derrubá-la igual ao q ela ja conseguiu e q está nas ruas…
    Joguem limpo, n vai ser cm mentiras q vão conseguir… Se fosse verdade estaria no site da receita federal e não na boca dum blogueiro entendam isso, vcs q estão acreditando!
    Quanto mais mentiras inventam melhor p ibope da prefeita e pior p moral do 40!

    • Zé Dudu disse:

      Paula, a nota foi passada ao G1 pelo Ministério Público Federal.

    • leticia disse:

      sera que vai virar ficha suja de novo ? pelo jeito sim pois ta dificil ela fechar as contabilidades.

    • layana disse:

      aeu fico besta como esse povo ipocrita q ainda defende essa mulher se nao foce verdade nao estaria no sait do ministerio publico federal ninguem e besta aqui nao ela vai ser condenada e perder o cargo igualzinho o bersa olha q o bersa nao robou nao chego nem nos pes dela para de torce contra a cidade quem defende bandido e bandida tambem

    • Anônimo disse:

      infelismente amor, o dinheiro falou mais alto pq se fosse na palavra correta vc e a sua prefeita ja na rua…mas n vai demorar nao, o q se faz aqui…aqui mesmo se paga…se prepara…

    • mary disse:

      D. Paula infelismente o dinheiro falou mais alto, se fosse feito justiça na palavra, duvido se vc e ela estaria em prefeitura…agora e so aguardar a justiça divina pq dessa nao tem advogado na terra p defender os podres do outro…fique atenta , o se faz aqui, aqui mesmo se paga…aproveitem enquanto a tempo…passe bem.

    • Anônimo disse:

      Ela foi e provou q es uma bandida

  2. Porque colocam só a metade da noticia? Porque não colocam que ela foi absolvida e nada consta contra ela?

  3. É Amizade agora não tem pra ninguém.

  4. Isso e uma vergonha pro municipio ela tem muito e que ficar quieta e nao se eleger mais…

  5. Arimateia disse:

    Dona Valmira, como é conhecida a prefeita de Novo Repartimento é candidata a reeleição, numa coligação composta por quase dez partidos, agora, a pergunta que não quer calar: com esta decisão da Justiça Federal, como é que fica a candidatura de Dona Valmira? Zé, se souber, por favor responda aos seus milhares de leitores.
    Parabens pelo conteúdo do blog.

  6. Zé Dudu disse:

    Segundo Parsifal Pontes, a condenação, por ser uma decisão de primeira instância, cabe recurso e não tem aplicação enquanto a fizer trânsito em julgado, o que, com certeza, não ocorrerá em 2012.

    Da mesma forma, a decisão, por ter sido prolatada por um juiz singular e não um colegiado, não impede o registro da candidatura à reeleição da prefeita, pois apenas condenações colegiadas remetem às inelegibilidades escritas na “Lei da Ficha Limpa”.

    A condenação, todavia, se não tem efeitos jurídicos imediatos, é um duro golpe de ordem moral na candidatura da prefeita, na flagrância do processo eleitoral.

  7. A PERGUNTA QUE TODOS CANAENSE FAZ É PORQUE O MPF PF TCU TCM ETC,ETC,ETC NAO VISITAM CANAA? VAO ESPERAR O GATUNO DO ANUAR E SUA QUADRILHA DE VEREADORES SURRUPIAR TODO O DINHEIRO DA NOSSA CIDADE? ME DIZ AI ZÉ DUDU O QUE PODEMOS FAZER…..

  8. Luana disse:

    A notícia é totalmente verdadeira. A Valmira foi condenada nos autos da ação nº 2008.2.03.000850-4, que tramita pela Justiça Federal de Altamira. Para quem ainda duvida, finge duvidar, ou prefere ficar na igno`rância, segue um trecho da sentença.
    “ANTE O EXPOSTO, JULGO PARCIALMENTE PROCEDENTE A PRETENSÃO DEDUZIDA NA INICIAL PARA CONDENAR OS RÉUS VALMIRA ALVES DA SILVA E LUIZ ANTÔNIO TREVISAN VEDOIN NOS SEGUINTES TERMOS:A) SOLIDARIAMENTE, AO RESSARCIMENTO DE R$ 4.320,17 (QUATRO MIL TREZENTOS E VINTE REAIS E DEZESSETE CENTAVOS), VALOR DO DANO APONTADO PELA CGU, EM VALORES ATUALIZADOS DESDE A DATA DO DESEMBOLSO PELO MANUAL DE CÁLCULOS DA JUSTIÇA FEDERAL, COM ACRÉSCIMO DE JUROS MORATÓRIOS DE 0,5% (MEIO POR CENTO) AO MÊS, A PARTIR DA CITAÇÃO; B) VALMIRA ALVES DA SILVA ÀS PENAS DE PERDA DO CARGO PÚBLICO; PROIBIÇÃO DE CONTRATAR COM O PODER PÚBLICO OU RECEBER BENEFÍCIOS OU INCENTIVOS FISCAIS OU CREDITÍCIOS, DIRETA OU INDIRETAMENTE, AINDA QUE POR INTERMÉDIO DE PESSOA JURÍDICA DA QUAL SEJA SÓCIO MAJORITÁRIO, PELO PRAZO DE CINCO ANOS; SUSPENSÃO DOS DIREITOS POLÍTICOS POR DEZ ANOS; E MULTA CIVIL DE 3 (TRÊS) VEZES O VALOR ATUALIZADO DO DANO, NA FORMA DETERMINADA NO ITEM A ACIMA;”.
    Pena que nosso povo já está tão acostumado com a corrupção que não vai deixar de votar nesta senhora por causa disto. Lamentável.

  9. anonimo disse:

    vamos ver quem vai rir………por utimo o 22 so tem apoio dos fucionario ……..

  10. pelo o amor de cristo se toca quem defende essa ladrona por isso que o brasil nao vai pra frente se agente nao tomar atitudes serias vai vira uma bagunça nao somos obrigado a viver desse jeito ela nao e deus vamos derruba essa elite de corruptos no repartimento analisem nao e um emprego e a nossa cidade vamos muda o amizade e uma pessoa maravilhosa umiudi e tem uma boa proposata pra nos e tem a ficha limpa e tem mas nao teve nada aver com 40 eles sao mas uma vitima dos mafiosos da cidade tenha carate e amor propio e vamos eleger o amizade pro nosso bem

    • filho de repartimento disse:

      bersa x dezivaldo é merda pura !!!! aceita que perderam a eleição bando de laranjas puxa saco……
      ainda fica dizendo que estão brigados ,,,fala serio .

  11. acorda povo se liga ela roubou nosso dinheiro vamos eleger amizade

  12. Fico triste em saber que tais assuntos tão serios são até divulgados, mas o sistema politico sempre é, e foi burlado, por alguns corruptos que até batem no peito e diz ter condiçoes e poder para manipular até mesmo os juristas deste pais. como exemplo este, ja foi julgada e ainda percorre todo o municipio desmentindo a decisão. que pena mas acredito na mudança. acorda brasileiros de Novo Repartimento.

  13. Rosa disse:

    vou votar no Amizade no 40 pra ganhar

  14. Rosa disse:

    se ela fosse tao inocente, nao estaria com tanto medo do tamanho da carreata do Amizade, esse sim e FICHA LIMPA e nao precisa que ninguem vote nele pra manter o emprego, cai fora babaca, vai aprender a falar..

  15. Simeia campos disse:

    eu so sei que e amizade e pronto….a valmira vai ganhar msmo uma passage livre pro maranhao kkkk a valmira so tem babao atraz dela mais Deus vai fazer o diabo cair de queixo no chao novo repartimento-pa precissa e de gente seria como o amizade e nao ladroes ….a vitoria e do 40 e pronto foi Deus q decretou a nossa vitoria e o diabo tem e que se calar……xo valmira aqui nao e o teu lugar….kkk

  16. Simeia campos disse:

    vou votar no amizde e o fixa limpa sai fora valmira…voce vai ganhar mais e uma passage pro maranhao kkk e 40 e 40 e pronto ninguem vai me impedir…

  17. Simeia campos disse:

    e 40 e pronto a valmira nao tem mais nessa cidade….e amizade fixa limpa galera …nos 40 ja ganhamos….ebaaaaaa….xo valmira seu lugar e no maranhao….kkkk e nao aqui em repartimento….40 amizade vote esse sim e fixa limpa….

  18. Filha de new rep cite disse:

    Fala serio ela e inocente e apenas o 40 querenta querendo desviar o foco de se e quer se limpar nas sombra de dona valmira eu sou e 22…….

  19. danillo disse:

    a justiça ta preste a ser feita.

  20. Anônimo disse:

    ESSE COMENTÁRIO GENTE É A MAIS PURA VERDADE! É SÓ PROCURAR O NOME DELE LÁ! AJUDEM ATÉ CHEGAR NO NAVEGA PARÁ! PROFESSOR JOSÉ ROSALVO ROCHA PEDOFOLO!

  21. Anônimo disse:

    A PREFEITA DE NOVO REPARTIMENTO VALMIRA ALVES JUNTAMENTE COM A VEREADORA CREUZA APOIA PROFESSOR PEDOFOLO NA ESCOLA CRIANÇA FELIZ ZONA RURAL. O PROFESSOR JOSÉ ROSALVO ROCHA FOI DENUNCIADO PELOS ALUNOS NO CONSELHO TUTELAR DE NOVO REPARTIMENTO. ELE TINHA PESDIDO O CARGO DE PROFESSOR, DEPOIS COM TODA MUDANÇA ELE VOLTOU NOVAMENTE. TEM PROVAS CONTRA ELE. AJUDEM DENUCIANDO PEDOFILIA É CRIME!

  22. anonimo disse:

    o berça roubo a prefeitura de repartimento Nnguem vai fazer nada vai ficar sem toma providencia .

  23. anonimo disse:

    o berça tem fazendas e mais fazendas. a população e quem sofre com essa baderna .e dinheiro do povo .

  24. Anônimo disse:

    essa valmira e uma carniça nunca feiz nada so sabe e roubar .

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>