Category Archives: Canaã dos Carajás

Canaã dá aula de vacinação para Marabá, Parauapebas, Tucuruí…

Delboni-HPV-cortada-475x240Os municípios da região sudeste do Pará que quiserem saber como alcançar as metas de vacinação devem procurar o departamento de imunização da Secretaria Municipal de Saúde de Canaã dos Carajás, que tem alcançado as metas nas últimas campanhas vacinais.

Na última campanha, contra HPV, Canaã dos Carajás tirou nota 10 ao ultrapassar a meta estabelecida, ficando com 119% do total de meninas entre 11 a 13 anos que deveria imunizar. Para isso, a equipe coordenada pela enfermeira Helen Cássia, do departamento de Imunização montou uma estratégia e foi atrás de adolescentes de escola em escola do município, ultrapassando a meta do Ministério da Saúde, para vacinação mínima de 80% do total previsto.

A campanha de vacinação contra HPV foi deslanchada no mês de março e encerrou dia 31. Os dados foram lançados no sistema do Ministério da Saúde e podem ser acessados através do link http://pni.datasus.gov.br/consulta_hpv_14_C01_Estado.php?uf=PA.

Em Parauapebas, a meta não foi alcançada. Até hoje, quinta-feira, dia 9, o município vacinou apenas 57,43% do que estava estabelecido pelo Ministério da Saúde. Tucuruí chegou aos 81,04%, mas Marabá é o que registra o índice mais sofrível entre todos eles, com apenas 23,69% das mais de 6.300 vacinas.

Isso se justifica, em tese, porque a equipe de vacinação tinha disponível apenas um veículo para percorrer as escolas e, além disso, porque não recebeu condições para ir à zona rural aplicar nenhuma dose.

Mais de 40 mil pessoas residente em mais de 120 vilas na imensa zona rural de Marabá e o departamento de Imunização do município não fez o dever de casa para levar as vacinas para as meninas que residem fora da área urbana, o que é considerado grave.

Curionópolis vacinou 87% do total previsto, Jacundá apenas 35%, Itupiranga 48,18%, Eldorado do Carajás 52,34%, São Domingos do Araguaia 23,75% e Nova Ipixuna 22,11%.

Atualização às 11 horas de 11/04

Marcelo Cláudio Monteiro da Silva, diretor de Vigilância em Saúde do município de Parauapebas informou há pouco que o município recebeu apenas 5000 doses da vacina, embora fossem necessárias mais 3500 doses. O diretor informa ainda que as 5000 doses foram aplicadas em apenas quatro dias, tempo recorde, todavia, por uma questão de logística não foi possível colocar os dados no sistema do Datasus. O município já solicitou as vacinas para que todas as aptas a receberem sejam beneficiadas.

Canaã dos Carajás: justiça indefere pedido de liminar da OAB e concurso público segue seu cronograma normal

A Juíza de Direito substituta da Vara Única de Canaã dos Carajás, Drª Tânia da Silva Amorim Fiuza, indeferiu o mandado de segurança com pedido de liminar, impetrado pela Ordem dos Advogados do Brasil – OAB, Subseção de Parauapebas/PA, que pedia a suspensão do Concurso Público Municipal 2014, que está sendo realizado pela Prefeitura e organizado pela Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa – FADESP, entidade ligada a Universidade Federal do Pará – UFPA.

imagesEm sua decisão a magistrada não deu razão aos argumentos da OAB, que pedia a suspensão do concurso, assim, o cronograma previsto continua valendo e as provas serão no domingo, dia 13 de abril.

Para o Procurador Geral do Município Dr. Hugo Leonardo de Faria, o pedido da OAB não fazia sentido, uma vez que a entidade, desde o inicio, foi notificada a indicar dois advogados para acompanhar o concurso, a qual o fez indicando o nome dos advogados, ato que foi publicado no Diário Oficial do Município – Estávamos tranquilos quanto a isso – garantiu Dr. Hugo.

O Prefeito Jeová Andrade disse que o concurso está sendo feito dentro da maior lisura. “Constituímos uma comissão composta por servidores, representantes de sindicatos, contratamos uma instituição das mais respeitadas, que é FADESP, entidade vinculada à UFPA e estamos tranquilos com relação ao andamento do concurso. Lamentamos profundamente o fato de que alguns veículos de comunicação local tenham feito um estardalhaço com esta notícia, chegando, inclusive, a anunciar que o concurso seria cancelado, sem ouvir o outro lado, colocando a população em pânico, haja vista que mais de 12 mil pessoas, acreditando na seriedade do nosso governo, se escreveram para participar do certame.

Leia na íntegra a decisão da Juíza:

Quanto à alegação de obrigatoriedade de convocação da Ordem dos Advogados para todas as fases do concurso, entendo não ser suficiente o apontamento do art. 58, do EOAB. Tal dispositivo legal carece da complementação normativa de outro dispositivo, e esta exigência não foi satisfeita pela impetrante. Vê-se dos documentos de fls. 21/25, concessão de segurança concedida no município de Marabá pelos mesmos argumentos aqui apontados, porém, naquele município, existia dispositivo de lei municipal específico que atribuía tal obrigação ao gestor público. Sendo assim, complemento, naquele território, ao art. 58 da EOAB, que é um regulador de competências do Conselho Seccional. Na Constituição Federal, em título que regulamenta a Advocacia Pública, em seu art. 132, dispõe que a participação da Ordem deve se dar em processo seletivo dos Procuradores de Estados e Distrito Federal, sendo omissa no que se refere aos Municípios. Há que se considerar que seria medida de prudência a convocação desta instituição para as fases de Concurso Municipal, porém, tal juízo de valor não é suficiente para impor uma obrigação ao Gestor Municipal, visto que este é obrigado a seguir aquilo que está pautado em lei.

Além do mais, por tratar-se de fato negativo, a quem o ônus probatório recai sobre aquele a quem é imputada a obrigação de fazer, logo, pela irreversibilidade da concessão da tutela antecipada, neste caso, e os prejuízos consideráveis que pode-se advir tanto aos candidatos que já se organizaram para estar na cidade nesta data, bem como aos cofres públicos, considero não haver verossimilhança suficiente nesta alegação para permitir o sobrestamento do Concurso.

Quanto às alegações de inobservância de critérios isonômicos na avaliação de títulos, bem como do conteúdo programático elaborado por entidade privada, também não há verossimilhança suficiente para eivar de vício suficiente para a paralisação do Concurso. Nos documentos de fls. 27/71, vê-se o slogan de empresa privada, inegável, porém parece ter havido um esforço conjunto com o Município de Canaã dos Carajás/PA para a elaboração de tal estudo. Tal pode-

se concluir do fato de haver a constituição de comitês responsáveis por sua elaboração e estes serem compostos por membros da empresa, mas, também por autoridades públicas municipais componentes da Administração local.

Isto posto,

A) INDEFIRO A MEDIDA LIMINAR PLEITEADA, por falta de verossimilhança.

B) Sem prejuízo, NOTIFIQUE-SE a autoridade coatora, bem como o órgão de representação da pessoa jurídica de direito público para que apresente as informações concernentes aos fatos, no prazo de 10 dias.

C) CUMPRA-SE.

Vale e Fundação Vale doam patrulha mecanizada para produtores rurais

entrega_patrulha_mecanizada_1Vale e Fundação Vale doaram, via Agência de Desenvolvimento Econômico e Social de Canaã dos Carajás, uma patrulha mecanizada para a comunidade da Vila Bom Jesus, localizada na zona rural de Canaã dos Carajás. O equipamento permitirá melhorias na produção agrícola da região e o aumento na geração de renda dos trabalhadores rurais locais.

A patrulha mecanizada é composta por máquinas e implementos para a recuperação de solos, preparo de áreas para plantio, tratos culturais e colheita, entre outros. A doação contempla 11 implementos, como trator, plaina agrícola, grade aradora, grade niveladora, carreta graneleira, roçadeira, plantadeira, distribuidor de calcário e adubo, arador, encantadeira, batedeira de cereais e pulverizador.

Prefeitura de Canaã dos Carajás e Vale lançam selo de 20 anos do município

O município de Canaã dos Carajás completará 20 anos em 2014 e, para marcar a data, Prefeitura Municipal e Vale lançarão um selo comemorativo, que será escolhido pela comunidade. Três selos criados a partir de características da região farão parte da votação, que será realizada entre os dias 24 e 30 de março.

Confira os locais de votação:

  • 24 a 30/3, na Praça da Bíblia, de 8h às 18h;
  • 25 a 30/3, na Casa da Cultura, de 10h às 22h;
  • 26/3, na Escola Municipal Carlos Henriques, Vila Ouro Verde, de 9h às 16h;
  • 27/3, na Escola Municipal Magalhães Barata, Vila Feitosa, de 9h às 16h;
  • 28/3, na Escola Municipal Adelaide Molinari, Vila Planalto, de 9h às 16h.

O resultado será divulgado no dia 31 de março.

Sobre os selos

Socioambiental_1_1

Socioambiental (selo com árvores)

É inspirado no bosque que foi inaugurado recentemente em Canaã dos Carajás, espaço de lazer onde as pessoas podem ter contato com a flora e fauna locais, e simboliza a relação do homem com a natureza. A mineração está representada pelo número zero estilizado em forma de engrenagem.

Desenvolvimento_1_1

Desenvolvimento (selo com animais)

Retrata as principais atividades econômicas da cidade, como agropecuária, piscicultura, apicultura e mineração. Além do zero estilizado em forma de engrenagem, a mineração está representada por meio dos módulos que comporão o Projeto Ferro Carajás S11D, localizado no município.

Sustentabilidade_1

Sustentabilidade (selo em forma de bandeira)

Mostra a integração entre mineração, natureza e desenvolvimento local. A parte em verde e azul representa a sustentabilidade e a preservação do meio ambiente. Já a parte laranja, a mineração.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Vale

Enquanto a produção das minas de Parauapebas cai, nas de Canaã dos Carajás e Marabá cresce

Mina de CarajásO Blog Pesquisas Acadêmicas publicou excelente artigo sobre a extração de minério de ferro em Carajás e as ascensões de Canaã dos Carajás (Sossego) e Marabá (Salobo) no quadro do extrativismo mineral paraense. Confira:

“Na noite de ontem, quarta-feira (26), a mineradora Vale divulgou seu resultado para o quarto trimestre de 2013 e o balanço anual, do qual consta lucro líquido de R$ 115 milhões, muito aquém dos R$ 9,734 bilhões registrados em 2012.

O “Relatório de Produção de 2013 e 4T13″ traz, ainda, números da produção da mineradora em seus empreendimentos localizados no Pará.

Em Parauapebas, a produção da Vale recuou nas duas commodities exploradas pela empresa, os minérios de ferro e manganês. Já em Canaã e em Marabá, a produção de cobre cresceu como nunca antes.

A produção de minério de ferro total caiu de 309,05 milhões de toneladas (Mt) em 2012 para 299,8 Mt em 2013, baque de 3% de um ano para outro. Nas minas de Serra Norte, em Parauapebas, que fazem parte do Sistema Norte de produção, o recuo foi de 106,79 Mt para 104,89 Mt. Em termos percentuais, houve retração de 1,8%. As minas dos sistemas Sudeste e Sul, localizadas no Estado de Minas Gerais, pelo contrário, apresentaram crescimento da produção”.

Leia o artigo completo publicado no Blog Pesquisas Acadêmicas, aqui.

Vale abre 100 vagas para jovens de Canaã dos Carajás

A Vale receberá inscrições online para o Programa Formação Profissional (PFP), entre os dias 24 e 28 de fevereiro, pelo site www.vale.com/oportunidades. São 100 vagas operacionais para mecânico, soldador e caldeireiro.

O objetivo do programa é formar mão de obra nas comunidades em que a Vale está presente, com a qualificação técnica, e promover o desenvolvimento local, por meio do acesso à educação, ao emprego e à renda. Os candidatos precisam ser maiores de 18 anos, ter concluído o Ensino Médio e residir em Canaã dos Carajás.

O programa é dividido em duas etapas. Na formação teórica, com duração de três a cinco meses, os jovens estudarão em tempo integral em instituição de ensino parceira da Vale, participando de um curso de qualificação técnica. Já na formação prática, durante seis a 12 meses, os aprovados darão continuidade ao seu desenvolvimento por meio de experiência profissional na mina do Sossego, localizada em Canaã dos Carajás.

Os participantes receberão bolsa-auxílio de R$ 600 na fase de formação teórica. Já na fase prática do treinamento, que será realizada na mina do Sossego, a bolsa é de R$ 1.250, com direito a benefícios como assistência médica e odontológica, transporte, alimentação e seguro de vida.

Processo seletivo

Após a inscrição, os candidatos passarão por outras etapas eliminatórias: prova online de Português e Matemática; entrevista coletiva; avaliação psicológica; dinâmica de grupo ou entrevista técnica com gestor; e exames médicos.

Serviço:

Inscrições online para Programa Formação Profissional – Canaã dos Carajás

Quando: de 24 a 28 de fevereiro.

Endereço eletrônico: www.vale.com/oportunidades

Vale capacita terceira turma de servidores públicos em Canaã dos Carajás

O III Curso Livre do Programa de Acompanhamento da Migração (PAM), promovido pela Vale em Canaã dos Carajás, será realizado nos dias 19/2, de 8h às 18h, e 20/2, de 8h às 12h, no Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (CIAC), com o tema “O Trabalho em Rede e a Gestão Local”. A capacitação terá como públicos-alvo trabalhadores da assistência social, profissionais vinculados às políticas públicas e conselheiros municipais dos diferentes Conselhos de Direitos que respondem pela garantia dos direitos fundamentais do cidadão.

O curso prevê exposição dialogada, vivências e atividades em grupo com apresentação em plenária. Os principais objetivos do encontro são definir o que se entende por rede na área social, especialmente no contexto da gestão municipal; apontar estratégias que viabilizem, na realidade local, um processo de inclusão social a partir do trabalho articulado em rede; indicar alternativas que ajudem a implementar ações articuladas e integradas que resultem em atividades efetivas voltadas para o desenvolvimento e a proteção social; e identificar as redes já existentes no município.

A assistente social Rosiane Costa de Souza, especialista em Desenvolvimento Urbano e Regional e mestre em Serviço Social pela UFPA, coordenará os trabalhos. Souza é ex-presidente do Conselho Regional de Serviço Social (CRESS) -1ª Região Pará e ex-presidente do Conselho Estadual de Assistência Social do Pará.

Programa de Acompanhamento da Migração        
O programa tem por objetivo alinhar as ações do Projeto Ferro Carajás S11D às diretrizes da Política Nacional de Assistência Social. A proposta é fortalecer a Secretaria de Assistência Social de Canaã dos Carajás com o apoio ao monitoramento do fluxo migratório e à captação de recursos para instalação de serviços da proteção básica e especial, além de apoio às ações de capacitação para técnicos da secretaria municipal.         
A proposta compreende a implantação de um serviço articulado às políticas de assistência social, com a disponibilidade de uma equipe técnica para acolhimento, triagem e encaminhamento do migrante em situação de vulnerabilidade social à rede de serviços socioassistenciais do município.

Um dos destaques do programa é a assinatura de um convênio no valor de R$ 784 mil, entre Vale e Prefeitura de Canaã dos Carajás, para realizar melhorias estruturais e de serviços em órgãos públicos de atendimento à população local. O Centro de Convivência da Pessoa Idosa (CECON), o CIAC e o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) foram escolhidos para receber as benfeitorias. Também foi disponibilizado acervo bibliográfico para uso dos servidores municipais de Canaã que atuam no Programa de Apoio ao Migrante.

Serviço:

III Curso Livre do Programa de Acompanhamento da Migração

Quando: dias 19/2 (quarta), de 8h às 18h, e 20/2 (quinta), de 8h às 12h.

Onde: Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (CIAC), Av. JK s/n, Canaã dos Carajás.

Canaã dos Carajás: sessão ordinária pode ter causado um certo desconforto ao gestor municipal

Durante a realização da sessão ordinária desta quarta feira (12) os Vereadores criticaram as obras de sinalização de trânsito feitas em Canaã, principalmente as lombadas.  As críticas foram feitas na presença do prefeito Jeová Andrade e o secretário de obras Zito Augusto,  que compareceram à sessão e ficaram desconfortáveis com as verdades que foram ditas.

Em meio a crise que se instalou no seu primeiro ano de governo e que ainda não foi superada, e agora com agravo da falta de planejamento na implantação das lombadas que foram espalhadas de maneira irresponsável pela cidade, e que estão gerando inúmeros acidentes, o prefeito Jeová tentou justificar o injustificável, numa clara demonstração de despreparo, disse que a empresa que fará as devidas sinalizações já encontra-se no município. Como se o mais leigo dos cidadãos não soubesse que primeiro sinaliza, depois faz.

O presidente da Câmara Ailson da White (PSC) não permaneceu na sessão por problemas de saúde, deixando o comando da casa nas mãos de Wilson do líder (PMDB), aquele mesmo, primo do prefeito, citado aqui algumas vezes.

De acordo com o vereador Walter Diniz (PMDB), as lombadas ficaram da altura do nariz do secretário de obras Zito Augusto que calado estava, calado ficou. O vereador Junior Garra (PR)que uma hora morde, outra hora assopra, também criticou a sinalização, especificamente a tinta utilizada para pintar as faixas de pedestre, embora no contrato tenha sido especificado que a tinta deveria ser refletiva e de boa qualidade, Junior denunciou dizendo que se assim fosse o farol do seu carro estava queimado, e disse ainda que as faixas mal foram pintadas e já está sumindo, o que prova que a tinta é de má qualidade.

Com a Câmara lotada os vereadores aproveitaram para ser notados e fizeram discursos parecidos, onde pediram providencias do poder executivo em relação ao trânsito, que só neste último final de semana registrou quatorze acidentes.

Fonte: Blog da Léia Cardoso – Canaã dos Carajás

Canaã dos Carajás : para diminuir custos, prefeitura vai adquirir usina de asfalto

Como medida preventiva para evitar acidentes de trânsito e alagamentos indesejáveis no período das fortes chuvas, a Prefeitura, através da Secretaria de Obras, iniciou a operação Tapa Buraco, mas apesar da eficiência da ação, ela não deixa de ser onerosa aos cofres públicos, uma vez que o asfalto utilizado é comprado em outros municípios e importado para Canaã.

Com a aquisição da usina o asfalto passará a ser produzido aqui, reduzindo em cerca de 30% os custos na execução de operações de serviço de asfaltamento. Segundo o Secretário de Gestão e Planejamento José Moreira o processo de licitação para a compra da usina já está em andamento. Para o Secretário de Obras Zito Augusto este é um ótimo investimento no caso da Prefeitura de Canaã dos Carajás, já que os produtos importados utilizados nas obras acabam aumentando os custos finais.

O Prefeito Jeová Andrade afirmou que quando os meios de produção se tornam públicos isto aumenta a independência da Prefeitura, bem como o seu poder de trabalho, sobretudo no que diz respeito a esta nova aquisição.

“Ano passado adquirimos uma fábrica de bueiros para melhor aparelhamento da máquina pública, além disso, inauguramos um moderno prédio para a Secretaria de Obras e hoje estamos caminhando para comprar também está usina de asfalto, isto é muito bom para todos nós, não só pela redução dos custos, mas também porque estamos cada vez mais independentes para trabalhar, assim se produz mais, se desenvolve mais e é isso que o governo “Você Fazendo Parte” quer”, disse Jeová Andrade.

Fonte: ASCOM PMCC

Vale abre 450 vagas de capacitação em Canaã dos Carajás

imageA Vale abrirá inscrições para o Programa de Preparação para o Mercado de Trabalho (PPMT) em Canaã dos Carajás. Serão 450 vagas para os cursos de pedreiro de alvenaria, ferreiro armador, auxiliar de escritório, assistente de almoxarife e técnicas de cozinha. Interessados podem se inscrever nos dias 28 e 29 de janeiro no Sistema Nacional de Empregos (Sine) do município.

O candidato precisa ser maior de 18 anos e ter ensino fundamental completo, além de apresentar carteira de trabalho, documento de identidade, comprovante de escolaridade e duas fotos 3×4. Todos os cursos são gratuitos e tem duração média de quatro meses. As aulas começam no dia 3 de fevereiro.

O PPMT é promovido pela Vale em regiões onde a empresa desenvolve projetos de capital, com a capacitação profissional em cursos que aumentam o nível de empregabilidade das comunidades onde atua.