Category Archives: Parauapebas

Parauapebas registra maior superávit nos sete meses de 2012

Parauapebas-PA registra maior superávit nos sete meses de 2012

Nos primeiros sete meses de 2012, os municípios que registraram o maior volume de exportações foram:

  1. 1 – Angra dos Reis-RJ (US$ 6,742 bilhões),
  2. 2 – São Paulo-SP (US$ 4,790 bilhões),
  3. 3 - Parauapebas-PA (US$ 4,603 bilhões),
  4. 4 – Rio de Janeiro-RJ (US$ 4,429 bilhões) e
  5. 5 – São José dos Campos-SP (US$ 3,376 bilhões).

Parauapebas-PA teve o maior superávit comercial no acumulado de 2012, com US$ 4,413 bilhões. O município foi seguido por Angra dos Reis-RJ (US$ 4,304 bilhões), Santos-SP (US$ 2,609 bilhões), Nova Lima-MG (US$ 2.187 bilhões) e Paranaguá-PR (US$ 2,168 bilhões).

Semma inicia campanha de conscientização sobre as queimadas em Parauapebas

Com o tema “Tenha bons hábitos, não faça queimadas”, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) iniciará nesta sexta-feira, 17, as atividades da Campanha de conscientização sobre os problemas ocasionados pelas queimadas. A primeira atividade da programação será uma blitz educativa, tendo continuidade com palestra nas escolas municipais da rede pública na zona rural e urbana, além da educação ambiental porta a porta até o dia 18 de setembro, com a participação da Semma, CEAP, DMTT e NET.

Data

Horário

Evento

Local

17/8 09 às 11 hs Blitz Educativa Rua do Comércio
20/8 12 às 19 hs Educação Ambiental Esc. Terezinha de Jesus, C. Jardim
21/8 12 às 19 hs Educação Ambiental Esc. Novo Horizonte
22/8 12 às 19 hs Educação Ambiental Esc. Sandra Maria, Novo Brasil
23/8 12 às 19 hs Educação Ambiental Esc. Paulo Freire, Palmares I
24/8 12 às 19 hs Educação Ambiental Esc. Antônio Matos, Novo Brasil
27/8 08 às 14 hs Educação Ambiental Esc. Crescendo na Prática, Palmares II
28/8 12 às 19 hs Educação Ambiental Esc. Domingos Cardoso, C. Populares
29/8 12 às 19 hs Educação Ambiental Esc. Elisaldo R. Farias, Liberdade II
30/8 12 às 19 hs Educação Ambiental Vila Sanção
03/9 08:30 às 13:30 hs Educação Ambiental porta a porta Guanabara, da Paz e Bela Vista
04/9 08:30 às 13:30 hs Educação Ambiental porta a porta Jardim  Canadá
06/9 08:30 às 13:30 hs Educação Ambiental porta a porta Bairro União
11/9 08:30 às 13:30 hs Educação Ambiental porta a porta Casas Populares
12/9 08:30 às 13:30 hs Educação Ambiental porta a porta Novo Brasil
17/9 08:30 às 13:30 hs Educação Ambiental porta a porta Parque dos Carajás
18/9 08:30 às 13:30 hs Educação Ambiental porta a porta Bairro Rio Verde

Fonte: Ascom PMP

IDEB 2011: Parauapebas fica acima da meta estipulada

O Ministério da Educação (Mec) divulgou nesta terça-feira (14) os dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) referentes ao ano de 2011. O indicador é uma forma de monitorar a qualidade do ensino no país, avaliando o desempenho de alunos dos ensinos fundamental e médio a cada dois anos com notas que variam de zero a dez.

A meta nacional é que o Ideb do Brasil tenha média 6 até o ano de 2022, que equivale ao desempenho dos países desenvolvidos. Porém, as escolas do Pará ainda estão longe desta média.  A avaliação do estado para os anos iniciais do ensino fundamental teve pontuação de 4,2, a mesma da região norte, mas inferior ao índice nacional, 5.

Com relação aos anos finais do ensino médio, o Pará conseguiu média 3,7 em 2011, um décimo abaixo da média dos estados região norte (3,8) e quatro décimos a menos do que a média nacional (4,1).

Já os números do ensino médio tiveram uma retração: dos 3,1 alcançados em 2009 para 2,8 em 2011 – número quatro décimos abaixo da média da região norte, que é de 3,2 em 2011, e quase um ponto abaixo da pontuação média do país, que é de 3,7.

Confira as notas de Parauapebas:

image

image

Com informações do G1-PA

Os Inclusos e Os Sisos em Parauapebas

image

Vinte e seis amantes das artes cênicas, com e sem deficiência, participaram ontem (13) da Oficina de Teatro Acessível em Parauapebas. O grupo debateu sobre discriminação, participou de dinâmicas teatrais, encenou e aprendeu sobre inclusão. Participe você também. A foto é de Mila Petrillo.

Local: Centro de Desenvolvimento Cultural (Rua F, s/nº Quadra Especial, Cidade Nova)
Apresentações: 10h e 14h (13 e 14 de agosto)

Câmara solicita sinalização no perímetro urbano da PA 160 em Parauapebas

É cada vez maior o número de caminhões, carretas, ônibus e carros de passeio que transitam pela PA-160 e a falta de sinalização no perímetro urbano dessa rodovia em Parauapebas tem causado transtornos para as pessoas que moram próximo a ela.

Essa situação é um dos assuntos que serão discutidos durante a sessão ordinária de hoje da Câmara Municipal, prevista para começar a partir da 16 horas. No requerimento N°068/2012, a vereadora Francis, do PMDB, pede a sinalização da PA-160.

No quesito trânsito, está em pauta também o Requerimento N°069/2012, de Percília Martins, do PRTB, solicitando a instalação de redutores de velocidade ao longo da Avenida Itacaiúnas, no Bairro Casas Populares I.

Outro Requerimento que será apreciado é o N°067/2012 que pede ao Poder Executivo cópia dos contratos assinados entre a prefeitura e os moradores contemplados com as 500 casas, no Bairro Casas Populares II, entregues em 2005, acompanhada da relação dos beneficiários e endereços. Requer ainda, o nome e o endereço dos contemplados com moradias pelo Programa “Minha Casa Minha Vida”, localizadas no Residencial dos Minérios. O pedido é de autoria do vereador Antônio Massud, do PTB.

O presidente da Câmara, Zé Alves, do PT, vai apresentar a Indicação N°023/2012, sugerindo ao Poder Executivo que crie um projeto de lei dispondo sobre a ampliação das áreas destinadas à edificação e utilizadas pelos comércios e residências, localizadas na Rua A, entre as Ruas 4 e 5, no Bairro Cidade Nova.

Projetos

Quatro projetos de lei serão apreciados durante a sessão de hoje. Todos eles em segunda votação:

Projeto de Lei N°055/2011 – De autoria da vereadora Percília Martins, do PRTB – Estabelece a forma de funcionamento dos serviços de farmácia e drogarias de Parauapebas.

Projeto de Lei N°014/2012 – De autoria do Poder Executivo – Dispõe sobre alterações nas leis N°4.253 e N°4.252. Tem como objetivo adequar o município as exigências da Secretaria Estadual de Meio Ambiente para a concessão de licenciamento ambiental das atividades potencialmente causadoras de impactos locais, pois atualmente Parauapebas não está habilitado a conceder esse tipo de licença.

Projeto de Lei N°018/2012 – De autoria do Poder Executivo – Declara como Zona Especial de Interesse Social, lotes do Residencial Vila Nova.

Projeto de Lei N°025/2012– Também de autoria do Poder Executivo – Estabelece que a unidade educacional localizada na Rua A-12, quadra 24, no Bairro Cidade Jardim seja denominada“Escola Municipal de Educação Infantil Ruth Rocha”.

Fonte: Assessoria de Imprensa da CMP

Parauapebas terá Núcleo Avançado do CPC "Renato Chaves"

IML ParauapebasO Comitê Integrado de Gestores da Segurança Pública (Cigesp) aprovou na manhã desta terça-feira, 14, durante reunião do colegiado na sede da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), em Belém, um Termo de Acordo de Cooperação Técnica entre o Centro de Perícias Científicas (CPC) “Renato Chaves” e a Prefeitura Municipal de Parauapebas, no sudeste do Pará, para a construção do Núcleo Avançado do CPC “Renato Chaves” naquele município.

Pelos termos do convênio, a Prefeitura de Parauapebas deverá ceder um espaço físico, com estrutura e adaptações necessárias para a realização dos serviços de perícias criminais do Instituto de Criminalística (IC) e Instituto Médico Legal (IML), além de disponibilizar 26 servidores públicos, entre auxiliares de Enfermagem, motoristas, vigilantes, assistentes administrativos, peritos criminais e médicos para a qualificação e capacitação dos técnicos que vão atuar no órgão.

O IML disponibilizará os serviços de Perícia no Vivo como lesão corporal e crimes sexuais, além de Perícia no Morto, com os trabalhos de necropsia e remoção cadavérica. O IC oferecerá as perícias de local de crime contra a vida, dosagem alcoólica e constatação e definitivo de drogas, para fins de flagrante. Perícias mais específicas, que precisem de análises mais detalhada, poderão ser encaminhadas à sede do Centro, em Belém.

Atualmente, além da sede da instituição, em Belém, o CPC “Renato Chaves” possui Unidades Regionais (UR) em Castanhal, Marabá, Santarém e Altamira e os Núcleos Avançados (NA) de Abaetetuba, Bragança, Tucuruí, Paragominas e, agora, Parauapebas, totalizando quatro unidades e cinco núcleos, que atendem várias regiões do Estado com as perícias de criminalística e medicina legal.

Segundo o coordenador das Unidades Regionais do CPC “Renato Chaves”, Alexandre Ferreira, o CPC já estuda a descentralização da perícia a outras regiões, ainda não atendidas. “Já trabalhamos conjuntamente com a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) num projeto que pretende descentralizar a perícia paraense, estendendo-a para outras regiões do Estado, como o oeste e o Marajó. Nosso objetivo é atuar nas Regiões Integradas de Segurança Pública, que reorganizam o atendimento da Segup em áreas específicas de atuação. Ainda estamos em fase de planejamento e pesquisa, pois este tipo de trabalho envolve um processo de viabilidade técnica muito complexo”, explica.

O Cigesp é presidido pelo secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Luiz Fernandes Rocha. Integram a entidade, todos os dirigentes dos órgãos do Sistema Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Segup, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Superintendência do Sistema Penitenciário, Departamento Estadual de Trânsito e Centro de Perícias Científicas “Renato Chaves”).

Por Lene Alves – SEGUP, com colaboração de Nil Muniz – Ascom CPC “Renato Chaves”

Parauapebas: credores da SMI, Santa Bárbara, CBMI e Hidrotherm procuram Acip

Continua a romaria de fornecedores locais e de outras cidades, como de Canaã dos Carajás, que procuram a Associação Comercial, Industrial e Serviços de Parauapebas (Acip), para intermediar o recebimento de seus créditos junto às empresas Santa Bárbara, SMI, CBMI e agora, a Hidrotherm, sendo que os débitos já foram registrados na Acip desde o final de dezembro 2010 e início de janeiro de 2011, tendo a Acip recebido pedidos de fornecedores de produtos diversos e prestadores de serviços, que atenderam essas empresas de fora, tidas como grandes e sólidas empresas, mas que foram atrasando pagamentos e depois deram o calote e agora quem quiser receber seus créditos têm que ir a Belo Horizonte, Rio de Janeiro ou São Paulo e o pior, por não terem emitido duplicata e nem boleto bancário, por imposição contratual, não protestaram e mesmo que queiram protestar agora, encontram grandes dificuldades, não só pelo preço do protesto, como porque no endereço onde funcionava SMI e Santa Bárbara, por exemplo, o qual consta das notas fiscais, está fechado.

Procurando encontrar uma solução, a Acip se reuniu semana passada com a Vale, que prometeu envidar esforços para estudar uma possibilidade de ajudar na solução desses calotes, pois todas essas empresas já tiveram seus contratos rescindidos pela Vale, que informou que mesmo queira, nada pode fazer, pois a quando da realização das transações, não participou das mesmas e nem autorizou ninguém a usar seu nome pra comprar produtos ou contratar serviços de nenhuma natureza, mas que em face do apelo da Acip e sensibilizada com a situação de alguns fornecedores locais, estudará uma forma de ajudar no que for legalmente possível.

A Acip, através de seu assessor jurídico, Dr. Manoel Chaves, está finalizando o esboço para realização do I Seminário Local e Regional de Fornecedores de Produtos e Prestadores de Serviços, em que se discutirá toda a problemática que tem sido objeto de tantos calotes que já leva a classe empresarial a completa e total insegurança jurídica das relações comerciais e, nesse seminário deverão ser listados todas as empresas que já sofreram prejuízos por não receberam seus créditos, as empresas que deram calotes com seus respectivos valores, que tipo de atitude deve ser tomada a partir de agora, que tipo de segurança será exigida dessas empresas de fora, que postura deve adotar a classe empresarial, como um todo, para que seus companheiros de atividades empresarial não seja considerado um concorrente, mas um parceiro, pois somente a união dos empresários pode fazer com que se faça negócios em que se tenha certeza que se receberá o valor correspondente ao produto vendido ou ao serviço prestado.

Todavia, enquanto não se conclui o temário para a realização desse Seminário, a Acip coloca à disposição de seus associados, seu assessor jurídico, Dr. Manoel Chaves, para dar orientações e até mesmo elaborar contratos de seus associados para essas empresas de fora, em que Dr. Manoel Chaves sugere seja incluído, de imediato, nesses contratos, uma cláusula de garantia, que pode ser um Seguro Garantia correspondente a um crédito que fosse dado à contratante, nos moldes do que é feito pela Vale, pois entende Dr. Manoel Chaves que o Seguro Garantia é o de menor custo, algo em torno de 5% do valor total do contrato, uma vez que a carta fiança ou caução financeira sai muito mais caro e, além do Seguro Garantia, o fornecedor de produtos ou prestador de serviços deve suspender a continuidade do contrato se ocorrer atraso nos pagamentos superior a 30 dias, impondo inclusive multa pecuniária por atraso e se valendo imediatamente do seguro garantia para receber seu crédito em atraso.

Entende Dr. Manoel Chaves , que se assim fizer os associados e demais empresários locais, estarão tendo a segurança jurídica necessária para cumprir com suas obrigações com seus funcionários, fornecedores, contribuições sociais e fundiários e tributárias, sem falar na troca de informações entre os empresários, que devem se unir pra crescerem juntos e tornar uma Parauapebas mais respeitada para investir-se, pois atualmente muitos empresários procuram a Acip para pedir informações e são surpreendidas com a situação caótica e com os calotes que a maioria das empresas de fora aplicam no comércio local e regional e nada é feito, sendo este um caso que deveria inclusive merecer uma atenção do Ministério Público Estadual e Federal, haja vista o impacto de ordem social e econômica que esses calotes tem criado na economia local e regional, em que já tivemos dezenas de empresas que quebraram, fecharam e faliram, demitiram funcionários e hoje estão sendo processadas por falta de pagamento e sofrem ações trabalhistas, tudo por causa desses calotes e repita-se, nada têm sido feito, por nenhuma autoridade lotada em nosso município, mas isso não pode continuar e se as autoridades constituídas nada fizeram, a Acip convoca a classe empresarial para se juntar a ela, e lutarem por solução definitiva.

Texto: Bariloche Silva – Acip

Eleições 2012: distribuição, por sorteio, do horário de propaganda eleitoral no rádio em Parauapebas

Aconteceu hoje (13), por volta do meio dia, na presença de representantes dos partidos, o sorteio para a ordem de veiculação da propaganda eleitoral gratuita no rádio em Parauapebas, já que na 075ª Zona Eleitoral ( Parauapebas e Canaã dos Carajás ) não haverá propaganda eleitoral na TV.

As inserções dos partidos ficaram assim distribuídas, lembrando que a propaganda da majoritária (prefeito) será veiculada às segundas, quartas e sextas-feiras, das 7h às 7h30 e das 12h às 12h30 e do proporcional ( vereador ) às terças, quintas e sábados no mesmo horário.

Majoritária – ordem do sorteio:

  1. Parauapebas em boas mãos ( DEM, PPL, PTN, PDT E PRTB )
  2. PRP
  3. Psol
  4. PRB
  5. Todos por Parauapebas ( PT, PMDB, PP, PSC, PSB, PPS, PCdoB e PTC )
  6. Mãos que trabalham ( PSD, PTB, PR, PSDC, PHS, PV e PSDB )

Coligação

Tempo diário (mm: ss: cc)

Inserções

Tempo total (mm: ss: cc

Parauapebas em Boas Mãos

03’ 35” 98

323

161’ 59” 10

PRP

01’ 44” 73

157

78’ 32” 85

Psol

01’ 47” 10

160

80’ 19” 50

PRB

01’ 58” 93

178

89’ 11” 85

Todos por Parauapebas

12’ 26” 15

1.119

559’ 36” 75

Mãos que trabalham

08’ 27” 10

760

380’ 19” 50

Proporcional – ordem do sorteio:

  1. Unidos por Parauapebas ( PP e PSB)
  2. PRP
  3. De Mãos dadas com o povo ( PSDB e PTB )
  4. PRB
  5. Psol
  6. Mãos em Ação ( PHS e PSD )
  7. Parauapebas nas mãos do povo ( PR, PV e PSDC )
  8. Coligação Popular Democrática ( PPS, PTC, PT e PS do B )
  9. Parauapebas em Boas Mãos ( DEM, PPL, PTN, PDT e PRTB )
  10. União e Força ( PMDB e PSC )

Coligação/Partido

Tempo  igualitário Tempo Proporcional

Tempo Total

Unidos por Parauapebas

1’ 00” 00

PP –   01’ 37” 04
PSB – 01’ 18” 11

03’55”15

PRP

1’ 00” 00

PRP – 00’ 04” 73

01’ 04” 73

De Mãos dadas com o povo

1’ 00” 00

PSDB – 02’ 05” 44
PTB –   00’ 47” 34

03’ 52” 78

PRB

1’ 00” 00

PRB – 00’ 18” 93

01’ 18” 93

Psol

1’ 00” 00

Psol – 00’ 07” 10

01’  07” 10

Mãos em Ação

1’ 00” 00

PHS – 00’ 02” 37
PSD – 02’ 00” 71

03’ 03” 08

Parauapebas nas Mãos do Povo

1’ 00” 00

PSDC –  00’ 00” 00
PR –      01’ 25” 21
PV –      00’ 26” 03

02’ 51” 24

Coligação Popular Democrática

1’ 00” 00

PC do B – 00’ 33” 14 PPS –       00’ 18” 94
PTC –       00’ 02” 37
PT –         03’ 25” 92

05’ 20” 15

Parauapebas em Boas Mãos

1’ 00” 00

PRTB – 00’ 04” 73
DEM –  00’ 56” 81
PPL –    00’ 00’” 00
PTN –  00’ 00” 00
PDT –   00’ 54” 44

02’ 55” 98

União e Força

1’ 00” 00

PMDB – 05’ 57” 51
PSC –     00’ 33” 14

04’ 30” 65

Esta ordem vale para o primeiro dia de divulgação, sendo que, a partir do segundo dia e subsequentes, quem foi o último será o primeiro, quem foi primeiro será o segundo, e assim por diante.

A veiculação da propaganda eleitoral no rádio terá início no dia 21 de agosto e vai até o dia 04 de outubro. A Fundação Educacional e Cultural Nativa (96,9 MHz FM) – Rádio Arara Azul FM – será a geradora e transmissora da propaganda.

Juiz confirma que Parauapebas não terá horário eleitoral na TV nessas eleições.

Libio MouraEm entrevista a Demerval Moreno, da rádio Arara Azul FM, o juiz eleitoral Líbio Moura (foto) afirmou que em virtude de uma mudança na legislação eleitoral, a partir de 2009, Parauapebas realmente não terá o horário eleitoral gratuito nas eleições de 2012 ( Artigo 48 da Lei das Eleições).

A mudança a que se refere dá conta que só haverá propaganda eleitoral na TV nos municípios onde existam emissoras geradoras. Em Parauapebas todas as emissoras são repetidoras e, portanto, vedadas pela justiça eleitoral a transmitir a propaganda eleitoral.

Líbio Moura afirmou ainda que fará hoje o sorteio para a propaganda eleitoral no rádio.

O juiz eleitoral disse ainda que a fiscalização eleitoral será mantida até o dia 7 de outubro e não admitirá que quem almeja cargo público use de prerrogativas vedadas pela Lei Eleitoral para ludibriar o eleitor.

De acordo com o Calendário Eleitoral do TSE, a propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão começa no dia 21 de agosto e vai até 4 de outubro. A propaganda para os cargos de prefeito e vice-prefeito serão veiculadas às segundas, quartas e sextas, das 7h às 7h30 e das 12h às 12h30, no rádio. O mesmo horário vale para os cargos de vereador, só que as terças, quintas e sábados.

Em Parauapebas estão aptos a votar 111.542 eleitores, segundo o TRE-PA.

Celpa informa interrupção programada de energia elétrica em Parauapebas

A Celpa – Centrais Elétricas do Pará – avisa que está programada uma interrupção no fornecimento de energia elétrica para o município de Parauapebas para o dia 14 de agosto ( terça-feira)  das 08:20 hs às 13:10 hs nas seguintes ruas:

  • Rua Nove, entre as Ruas A e E;
  • Ruas A e D;
  • Todas entre as Ruas Seis e Dez;
  • Rua B, entre as Ruas oito e dez;
  • Rua C, entre as Ruas Oito e Nove e
  • Rua Oito, entre as Ruas C e E.

Segundo a Celpa, a interrupção se dá em virtude da realização de manutenção preventiva na rede.