Category Archives: restituição

Receita abre na sexta-feira (10/04) a consulta ao lote de restituição do IRPF do mês de ABRIL/2015. Contribuintes paraenses receberão R$ 3,5 milhões.

A partir das 9 horas de sexta-feira, 10 de abril, estará disponível para consulta o lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física, contemplando  as  restituições   residuais,  referentes  aos  exercícios   de  2014  (ano-calendário 2013), de  2013 (ano-calendário 2012),   2012  (ano-calendário 2011),  2011 (ano-calendário 2010), 2010 (ano-calendário 2009), 2009 (ano-calendário 2008) e 2008 (ano-calendário 2007).

Na 2ª Região Fiscal, que abrange os Estados do Pará, Amazonas, Rondônia, Roraima, Acre e Amapá, haverá crédito para 4.486 contribuintes, totalizando o valor de R$ 8.011.029,45. O crédito será realizado no dia 15 de abril.

No Estado do Pará, 1.914 contribuintes receberão créditos que somam R$ 3.529.342,20.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://idg.receita.fazenda.gov.br), ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

Caso o valor da restituição não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Quando do contato, o contribuinte deve informar ao Banco do Brasil a conta, agência e o banco para o qual pode ser feita a transferência da restituição. A restituição ficará disponível no banco do Brasil durante um ano. Após esse prazo, quem não fizer o resgate, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Receita Federal libera créditos para cerca de 1,9 mil contribuintes no Pará

Hoje, 31, a Receita Federal libera créditos no valor total de R$ 3.543,067,51 para 1.984 contribuintes em todo o Pará.

Em toda a 2ª Região Fiscal que engloba os estados do AC, AM, AP, PA, RO e RR, 4.989 serão contemplados, totalizando R$ 10.210.134,46. O lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física contempla também restituições de 2014 (ano-calendário 2013), 2013 (ano-calendário 2012), 2012 (ano-calendário 2011), 2011 (ano-calendário 2010), 2010 (ano-calendário 2009) e 2009 (ano-calendário 2008) e 2008 (ano-calendário 2007).

O crédito bancário para 100.368 contribuintes, em todo o país, será realizado no dia 31 de março, totalizando o valor de R$ 240.000.000,00. Desse total, R$ 95.420.002,85 referem-se ao quantitativo de contribuintes de que trata o Art. 69-A da Lei nº 9.784/99, sendo 21.787 contribuintes idosos e 2.116 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave.

Os montantes de restituição para cada exercício, e a respectiva Taxa Selic aplicada, podem ser acompanhados na tabela a seguir:

image

Em Belém, 1.184 contribuintes terão direito a R$ 2.310.820,76.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://www.receita.fazenda.gov.br) ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

Restituição não creditada

Caso o valor da restituição não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Quando do contato, o contribuinte deve informar ao Banco do Brasil a conta, agência e o banco para o qual pode ser feita a transferência da restituição. A restituição ficará disponível no banco do Brasil durante um ano. Após esse prazo, quem não fizer o resgate, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Receita abre consulta ao Lote residual do IR. Mais de 1 mil serão contemplados em todo o Pará

Está liberado para consulta, a partir das 9 horas desta quarta-feira, 25, o lote de restituição multiexercício do IRPF de março de 2015, que contemplará 1.984 contribuintes em todo o Pará, totalizando R$ 3.543.067,51
O lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física, contempla as restituições residuais, referentes aos exercícios de 2014 (ano-calendário 2013), de 2013 (ano-calendário 2012), 2012 (ano-calendário 2011), 2011 (ano-calendário 2010), 2010 (ano-calendário 2009), 2009 (ano-calendário 2008) e 2008 (ano-calendário 2007).

Na 2ª Região Fiscal (AC, AM, AP, PA, RO e RR) serão liberados créditos no valor total de R$ 10.210.134,46 para 4.989 contribuintes.

Consulta

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://www.receita.fazenda.gov.br), ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. O contribuinte durante esse prazo  deve informar ao Banco do Brasil, por meio do telefone 4004 0001 ou pessoalmente, a conta, a agência e o banco onde pode ser feita a transferência da restituição. Após esse prazo, quem não fizer o resgate, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Envio de e-mail falsos

A Receita Federal reitera a informação de que não envia e-mail para contribuintes. Assim, e-mail enviado supostamente pela Instituição não devem ser acessados. Eles podem ser de origem mal intencionada e causar danos nos arquivos do computador do cidadão.

6º lote de restituição do Imposto de Renda será creditado nesta segunda. Cerca de 44 milhões serão creditados à 39 mil contribuintes no Pará .

A partir de segunda-feira, dia 17, será realizado o crédito bancário referente ao 6º lote de restituição do Imposto de Renda 2014 para 88.792 contribuintes em toda a 2ª Região Fiscal (AC, AM, AP, PA, RO, RR), totalizando o valor de R$ 96.002.722,20. No Pará haverá o crédito de R$ 43.708.908,40, contemplando 39.297 contribuintes.

A restituição, que teve a consulta liberada desde a última segunda-feira, dia 10, ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Consulta e autorregularização de malha fiscal

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://www.receita.fazenda.gov.br), ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

Receita libera 5º Lote de restituição do Imposto de Renda. Mais de 30 mil contribuintes serão contemplados em todo o Pará

A partir de amanhã, 15, estará disponível os créditos referentes ao quinto lote de restituição do IRPF de 2014, que contemplará 34.654 contribuintes, em todo o Pará, totalizando mais de R$ 41.395.950,33.

O lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física contempla também restituições de 2013 (ano-calendário 2012), 2012 (ano-calendário 2011), 2011 (ano-calendário 2010), 2010 (ano-calendário 2009), 2009 (ano-calendário 2008) e 2008 (ano-calendário 2007).

O crédito bancário para 2.031.834 contribuintes, no Brasil, totalizará o valor de R$ 2,2 bilhões. Desse total, R$ 82.579.464,57 referem-se ao quantitativo de contribuintes de que trata o Art. 69-A da Lei nº 9.784/99, sendo 18.626 contribuintes idosos e 2.353 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave.

Na 2ª Região Fiscal (AC, AM, AP, PA, RO e RR) serão créditos no valor total de R$ 91.835.170,95 para 80.199 contribuintes.

Os montantes de restituição para cada exercício referentes ao Pará, e a respectiva Taxa Selic aplicada, podem ser acompanhados na tabela abaixo:

image

Em Belém, 22.738 contribuintes terão direito ao valor total de R$ 29.454.901,11.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://www.receita.fazenda.gov.br), ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Envio de e-mail falsos

A Receita Federal reitera a informação de que não envia e-mail para contribuintes. Assim, e-mail enviado supostamente pela Instituição não devem ser acessados. Eles podem ser de origem mal-intencionada e causar danos nos arquivos do computador do cidadão.

Receita Federal libera os créditos segunda-feira, 15. Em Belém, mais de 25 mil contribuintes terão direito à restituição

Receita Federal libera nesta segunda-feira, 15 o quarto lote de restituição do IRPF 2014. Em Belém 25.028 contribuintes terão direito à restituição, no valor total de R$ 35.457.046,97.

No Pará, 40.312 serão contemplados, totalizando R$ 52.908.923,46.

O crédito bancário para 95.113 contribuintes em toda a 2ª Região Fiscal (AC, AM, AP, PA, RO, RR) será realizado no dia 15 de setembro, totalizando o valor de R$ 117.106.148,33.

O lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física contempla também restituições de 2013 (ano-calendário 2012), 2012 (ano-calendário 2011), 2011 (ano calendário 2010), 2010 (ano-calendário 2009), 2009 (ano-calendário 2008) e 2008 (ano-calendário 2007).

Os montantes de restituição para cada exercício, referentes à 2ª RF, e a
respectiva Taxa Selic aplicada, podem ser acompanhados na tabela a seguir:

Lote de Restituição | | |
Multiexercício do | | |
IRPF – Set/14 | | |

SELIC ATUALIZADA_thumb[2]

Fonte:Receita Federal

Receita abre na segunda-feira (8) a consulta ao quarto lote. No Pará, 422 contribuintes terão direito à restituição.

A partir das 9 horas de segunda-feira, 08 de setembro, estará disponível para consulta o quarto lote de restituição do IRPF de 2014, que contempla 422 contribuintes em todo o Pará, no valor total de R$ 1.104.992,06.

O lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física contempla também restituições de 2013 (ano-calendário 2012), 2012 (ano-calendário 2011), 2011 (anocalendário 2010), 2010 (ano-calendário 2009), 2009 (ano-calendário 2008) e 2008 (ano-calendário 2007).

O crédito bancário para 1.182 contribuintes em toda a 2ª Região Fiscal (AC, AM, AP, PA, RO, RR) será realizado no dia 15 de setembro, totalizando o valor de R$ 2.841.563,57.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://www.receita.fazenda.gov.br), ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Receita libera créditos do 3º Lote de restituição do IR. Mais de 40 mil serão contemplados em todo o Pará

A partir desta sexta-feira, 15, estarão disponíveis os créditos referentes ao terceiro lote de restituição do IRPF de 2014, que contemplam 40.214 contribuintes em todo o Pará, totalizando mais de R$ 61 milhões. Na 2ª Região Fiscal (AC, AM, AP, PA, RO e RR) serão créditos no valor total de R$ 135.205.466,25 para 97.747 contribuintes.

Após o pagamento dos idosos e contribuintes com alguma deficiência física ou mental, ou moléstia grave, as restituições são pagas em ordem de entrega da declaração do Imposto de Renda – desde que o documento tenha sido enviado sem erros ou omissões.

O lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física contempla também restituições de 2013 (ano-calendário 2012), 2012 (ano-calendário 2011), 2011 (ano-calendário 2010), 2010 (ano-calendário 2009), 2009 (ano-calendário 2008) e 2008 (ano-calendário 2007). Os montantes de restituição para cada exercício referentes ao Pará, e a respectiva Taxa Selic aplicada, podem ser acompanhados na tabela abaixo:

Lote de Restituição Multiexercício do IRPF – JUL/14 – 2ª RF 




Ano do Exercício

Nº Contribuintes

Valor (R$)

Correção pela Selic

2014

39.414

59.565.283,46

  3,64% – 05/14 a 08/14

2013

542

1.155.416,33

12,54% – 05/13 a 08/14

2012

135

756.019,13

19,79% – 05/11 a 08/14

2011

71

205.828,41

30,54% – 05/11 a 08/14

2010

37

23.185,61

40,69% – 05/10 a 08/14

2009

14

13.692,52

49,15% – 05/09 a 08/14

2008

1

71,97

61,22% – 05/08 a 08/14

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://www.receita.fazenda.gov.br), ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

As consultas também podem ser feitas por meio de tablets e smartphones. Para tanto, basta baixar o aplicativo na página da Receita Federal.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Receita libera 1º Lote de restituição 2014 para 26.247 contribuintes no Pará

No estado do Pará 26.247 contribuintes são contemplados, totalizando mais de R$ 48 milhões. Na 2ª Região Fiscal (AC, AM, AP, PA, RO, RR), 52.924 contribuintes receberão restituição, no valor total de R$ 90.399.007,36. Em Belém, 22.610 contribuintes terão direito a R$ 44.068.010,45.

Composição da restituição no Pará

Lote de Restituição Multiexercício do IRPF-JUN/14
Ano 
Nº de Contribuintes
Valor
Correção pela Selic
2014
52.632
88.829.445,13
1,87%(maio de 2014 a junho de 2014)
2013
172
629.496,40
10,77%(maio de 2013 a junho de 2014)
2012
53
500.733,49
18,02%(maio de 2012 a junho de 2014)
2011
28
196.684,84
28,77%(maio de 2011 a junho de 2014)
2010
27
186.870,35
38,92%(maio de 2010 a junho 2014)
2009
12
55.777,45
47,38%(maio de 2009 a junho de 2014)
2008
0
0,00
59,45%(maio de 2008 a junho de 2014)

 Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://www.receita.fazenda.gov.br) ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Imposto de Renda: no Pará, 1.736 contribuintes terão direito ao lote residual de restituição

Receita abre amanhã (08/05) consulta ao lote de restituição multiexercício do IRPF do mês de maio/2014
A partir das 9 horas desta quinta-feira, 8/5, está disponível para consulta o lote residual  multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física referente aos exercícios de  2013 (ano-calendário 2012), 2012 (ano-calendário 2011), 2011 (ano-calendário 2010), 2010 (ano-calendário 2009), 2009 (ano-calendário 2008) e 2008 (ano-calendário 2007).

O crédito bancário será liberado, no dia 15/5, para 1.736 contribuintes em todo o estado do Pará, totalizando o valor de R$ 2.175.190,38.

Na 2ª Região Fiscal, que engloba os estados do AC, AM, AP, PA, RO e RO, serão creditados R$ 6.162.687,01 para 3.950 contribuintes.

Em Belém, 1.091 contribuintes terão direito ao valor total de R$ 1.593.180,46 em créditos bancários.
Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet (http://www.receita.fazenda.gov.br), ou ligar para o Receitafone 146.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smarthphones que facilita consulta a declarações de IR e situação cadastral no CPF. Esse aplicativo possui funcionalidades destinadas às pessoas físicas. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições das declarações do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

A Receita Federal na 2ª Região Fiscal alerta que a  restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da Internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais) e 0800-729-0001 (demais localidades)  para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

IRPF 2014
A Receita Federal informa o cronograma de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física, referente ao exercício de 2014, ano-calendário de 2013. As restituições serão efetuadas em sete lotes, no período de junho a dezembro de 2014.

Lotes:                      Datas:
1º Lote                  16/06/2014
2º Lote                  15/07/2014
3º Lote                  15/08/2014
4º Lote                  15/09/2014
5º Lote                  15/10/2014
6º Lote                  17/11/2014
7º Lote                  15/12/2014

De acordo com a legislação, terão prioridade no recebimento das restituições do IRPF os idosos acima de 60 anos e os contribuintes que têm alguma moléstia grave ou deficiência física.

A Receita Federal reitera a informação de que quem não declarou no prazo ainda pode e deve transmitir sua declaração.

O contribuinte que não cumpriu com a obrigação no prazo, que se encerrou no dia 30/04, está sujeito a multa mínima de R$ 164,75 e máxima de 20% do imposto apurado na declaração. Além disso, em caso de imposto a pagar, tem ainda multa de 0,33% ao dia e a atualização pela Selic.

error: Content is protected !!